Crise no Sporting

Nem mesmo a Justiça desfez o braço de ferro entre Bruno de Carvalho e Marta Soares

A guerra interna no Sporting voltou a acentuar-se. Em causa está a decisão sobre o pedido de providência cautelar feito pelo presidente da Mesa da Assembleia Geral (MAG) do clube, em relação à AG destituitiva de dia 23, e a divergência nas interpretações feitas por Jaime Marta Soares e Bruno de Carvalho. Em declarações à SIC Notícias, o presidente leonino falou num "exercício de manipulação de informação" enquanto Marta Soares acusou Bruno de Carvalho de inventar "para querer impor a sua vontade". Leia aqui o documento na íntegra.

Ainda antes dos dois dirigentes do Sporting entrarem em direto na antena da SIC Notícias, houve lugar à análise de Miguel Poiares Maduro, na Edição da Noite, relativamente à decisão do Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa.

Uma decisão que validou Marta Soares como legítimo presidente da MAG do Sporting, bem como a convocação de uma AG destitutiva para dia 23, apesar de faltarem os meios adequados para a realização da mesma.

O antigo ministro, que é também especialista em direito constitucional e sócio do Sporting, defendeu que é "fundamental repor a legalidade" no clube e reiterou que "está em causa decidir se o Sporting pertence aos sócios ou ao presidente":

Esta intervenção de Miguel Poiares Maduro espoletou a reação de Bruno de Carvalho, que entrou em direto logo de seguida.

O presidente do Sporting acusou Poiares Maduro de mentir "descaradamente aos sportinguistas" e afirmou que "nenhum ponto foi diferido pelo tribunal".

Bruno de Carvalho disse ainda que houve um "exercício de manipulação da informação" e considerou que Jaime Marta Soares "levou um não a tudo e omitiu as conclusões" do tribunal:

Depois da intervenção de Bruno de Carvalho, houve lugar á resposta de Jaime Marta Soares.

O presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting disse que a AG destitutiva "está marcada legitimamente" e que a posição do tribunal é de que a mesma "deve realizar-se".

Marta Soares acusou ainda o presidente de Sporting de "ferir a democracia e o direito" e de inventar "para querer impor a sua vontade", assumindo-se "como o dono" do Sporting:

Leia aqui o documento na íntegra.

  • Bruno de Carvalho acusa Poiares Maduro de mentir
    25:48

    Crise no Sporting

    O presidente do Sporting ligou esta sexta-feira à noite para a SIC Notícias para responder a Poiares Maduro que tinha estado em direto a analisar a situação atual do clube de Alvalade. Em causa estava a providência cautelar referente à assembleia de dia 23. Bruno de Carvalho voltou a garantir que "nenhum ponto foi diferido pelo tribunal", logo a reunião não vai acontecer. Foi ainda mais longe ao acusar Poiares Maduro de mentir aos sportinguistas.

  • "Repor legalidade no clube (Sporting) é fundamental"
    10:12

    Opinião

    Miguel Poiares Maduro, especialista em Direito Constitucional e adepto sportinguista, esteve na Edição da noite da SIC Notícias para falara sobre a crise que o clube de Alvalade enfrenta. Poiares Maduro, que tem mostrado apoio a Jaime Marta Soares, diz que neste momento "repor legalidade no clube é fundamental".