Crise no Sporting

Tribunal proíbe Assembleia-geral do Sporting de domingo

A assembleia-geral do Sporting marcada para dia 17 foi proibida pelo Tribunal Judicial da comarca de Lisboa, que deu razão à providência cautelar apresentada por Jaime Marta Soares.

O tribunal considerou nula a criação da Comissão Transitória do Sporting, que ainda ontem esteve em conferência de imprensa no estádio de Alvalade e que foi a responsável pela marcação desta Assembleia-geral.

A reunião tinha como objetivo a análise da situação do clube, prestação de esclarecimento aos sócios e a aprovação de alterações de estatutos.

O tribunal ordenou ainda a intimação dos requeridos, nomeadamente o Conselho Diretivo e os membros da comissão transitória da MAG - Elsa Tiago Judas, Bernardo Trindade Barros e Yassine Nadir Nobre -, a não levarem avante aquelas assembleias gerais, sob pena de incorrerem e crime desobediência qualificada, punível com pena até dois anos de prisão.

Noutro ponto, o tribunal ordenou às forças policiais que tomem diligências no sentido de impedirem a realização das assembleias, usando as medidas coercivas que entenderem necessárias.

  • Polícia britânica acredita que ataque junto ao Parlamento foi ato isolado
    2:15
  • Donald Trump acusa ex-assessora de ser "um cão"

    Mundo

    O Presidente norte-americano Donald Trump aumentou esta terça-feira o tom do confronto com a antiga assessora Omarosa Manigault Newman, que chegou a ser a afro-americana com estatuto mais elevado na Casa Branca, designando-a como "esse cão!".