Pagar para perder

Ministério Público confirma quatro arguidos no caso do Feirense-Rio Ave

O Ministério Público confirmou esta quinta-feira a existência de quatro arguidos no âmbito da investigação ao encontro entre o Feirense e o Rio Ave, da I Liga portuguesa de futebol.

De acordo com o MP, "em causa estão suspeitas da prática do crime de corrupção na atividade desportiva".

"Este inquérito, instaurado no Ministério Público de Santa Maria da Feira e recentemente remetido ao DIAP distrital do Porto, tem quatro arguidos constituídos", refere.

Na quarta-feira, a SIC noticiou que quatro jogadores do Rio Ave tinham sido constituídos arguidos, por estarem envolvidos num alegado caso de viciação de resultados.

A PJ do Porto está a investigar o caso há quase um ano e tem fortes indícios de prática de crime. Os jogadores terão recebido avultadas somas de dinheiro para adulterarem o resultado do encontro.

  • Piloto que morreu no Estoril terá ficado sem travões
    1:17
  • Empresa de segurança sob suspeita na Guarda
    4:47
  • O embaraço do príncipe Harry
    0:29