Mundo

Queda de neve em região de Pequim põe fim a 135 dias de seca

Andy Wong

A queda de neve numa região periférica de Pequim durante a madrugada de hoje pôs fim a 135 dias consecutivos de seca na capital chinesa, o mais longo período de sempre sem chuva ou neve na cidade.

Desde 23 de outubro passado que Pequim não registava precipitação em nenhum dos seus distritos.Trata-se do mais longo período de tempo seco na cidade desde que há registos, quebrando com o recorde de 114 dias sem chuva ou neve ocorrido em 1971.

Em 2014, o Governo central inaugurou um rio construído artificialmente durante 11 anos, e com uma extensão de 1.400 quilómetros, visando bombear água do sul para o norte do país.

Designado Projeto de Diversão de Água Sul-Norte, aquele canal leva quase dez mil milhões de metros cúbicos de água anualmente para o norte da China e chega a fornecer 70% da água usada em Pequim durante os meses mais secos.

A sua construção obrigou à deslocalização de 435 mil pessoas, segundo dados citados pela imprensa local.

  • Diretor artístico demite-se do Museu de Serralves
    2:44

    Cultura

    Estão ainda por esclarecer as razões da demissão do diretor artístico do Museu de Serralves. João Ribas apresentou a demissão esta sexta-feira, um dia depois da inauguração da exposição do fotógrafo Robert Mapplethorp. A demissão foi associada a restrições a algumas imagens de cariz sexual explícito. Mas a Fundação de Serralves garante que foi o próprio João Ribas quem decidiu retirar duas obras da exposição. E sublinha que estava decidido desde o início apresentar as obras de cariz sexual explícito numa zona com acesso restrito.

  • Personalidades do futebol dizem que Ronaldo foi vítima de excesso de zelo
    2:03

    Desporto

    A UEFA vai anunciar o castigo de Cristiano Ronaldo na próxima quinta-feira, depois do cartão vermelho que o internacional português recebeu no jogo da Liga dos Campeões. O castigo pode ir de um a três jogos de suspensão. Várias personalidades do mundo do futebol acreditam que o jogador foi vítima do excesso de zelo do árbitro.