Mundo

Mais de 20 mortos em ataques aéreos no norte da Síria

Pelo menos 24 pessoas foram mortas esta sexta-feira em bombardeamentos a várias localidades controladas pelos rebeldes nas províncias de Alepo e Idleb, no norte da Síria, indicou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Segundo a organização não-governamental, pelo menos 14 civis, entre os quais três crianças, morreram num ataque aéreo à localidade de Orm al-Kubra, no oeste de Alepo.

O bombardeamento fez igualmente "dezenas de feridos", embora o OSDH não tenha especificado o número.

Também no norte da Síria, aviões e helicópteros das forças do Presidente sírio, Bashar al-Assad, bombardearam diversas localidades no sul da província de Idleb, nos quais morreram pelo menos oito civis e pelo menos 45 ficaram feridos.

Os bombardeamentos atingiram as localidades de Khan Shikhun e Al-Tah, ambas situadas no sul de Idleb.

A ONG indicou que o número de mortos poderá aumentar devido à existência de feridos em estado grave.

Em finais de julho, Assad assegurou que a libertação da província de Idleb, último reduto da oposição armada síria, é uma prioridade para o exército sírio.

"Agora, Idleb é o nosso objetivo, mas não só", disse Assad numa entrevista a um órgão de comunicação social russo.

O exército sírio e seus aliados conseguiram nas últimas semanas tomar definitivamente o sudoeste do país, onde ainda operavam 'jihadistas' do grupo extremista Daesh, e prossegue uma campanha na província meridional de Sueida para "acabar com elementos desse grupo terrorista".

Lusa

  • Benfica defronta hoje o Sertanense no Estádio Cidade de Coimbra

    Desporto

    O Benfica, recordista de títulos na Taça de Portugal de futebol, assinala hoje a entrada em cena dos clubes primodivisionários na prova, ao defrontar o Sertanense, do Campeonato de Portugal, no arranque da terceira eliminatória. O jogo entre o líder da I Liga, em igualdade com o Sporting de Braga, e o oitavo classificado da série C do terceiro escalão - que nunca se defrontaram - tem início marcado para 20h45, no Estádio Cidade de Coimbra, devido à falta de condições do relvado do recinto da equipa da Sertã.

  • O "amor cego" de Francisco por Maria Leal
    35:21
  • Protesto contra abertura de templo a mulheres faz 30 feridos na Índia
    1:36
  • A "bebé milagre" que nasceu com 635 gramas faz 1 ano

    Mundo

    Uma recém-nascida britânica foi apelidada pelos médicos de "bebé milagre" e é fácil perceber porquê: nasceu às 27 semanas de gestação, pesava 635 gramas e sofreu duas paragens cardíacas, que impediram o coração de bater durante 22 minutos. Esta quarta-feira, completou um ano de vida.