Mundo

"The Boston Globe" apela a uma "guerra editorial" aos ataques de Trump

Brian Snyder

O diário norte-americano The Boston Globe, jornal de referência nos EUA e várias vezes vencedor de prémios Pulitzer, apelou a uma resposta editorial coordenada da imprensa norte-americana contra os frequentes ataques do Presidente Donald Trump.

O 'The Boston Globe' apelou aos jornais de todo o país para publicarem a 16 de agosto editoriais a denunciar o que apelida de "guerra suja contra a liberdade de imprensa".

O diário quer que os jornais norte-americanos tomem uma posição independentemente da sua orientação política e de geralmente publicarem editoriais, ou não, contra ou a favor das políticas da administração Trump.

O Presidente dos EUA frequentemente caracteriza a imprensa como "fake news" (notícias falsas, na tradução em português) e os jornalistas como os seus verdadeiros oponentes políticos.

Marjorie Pritchard, que dirige a página editorial do 'The Boston Globe', diz que dezenas de jornais já concordaram em escrever editoriais, incluindo jornais diários de grande tiragem e outros de menor dimensão.

Lusa

  • Marine Le Pen de fora da Web Summit de Lisboa
    1:41
  • O meu corpo tem muitos anos
    27:49
  • 301 padres terão abusado de mais de 1.000 crianças nos EUA
    2:04

    Mundo

    Mais de 300 padres católicos do estado da Pensilvânia, nos EUA, são acusados do abuso sexual de mais de 1.000 crianças e jovens, ao longo de 70 anos. A acusação foi ontem divulgada, depois de dois anos de investigação às várias dioceses do estado.

  • Olhá Festa em Idães
    7:17