Mundo

Içado sinal 8, super tufão Mangkhut a 430 quilómetros de Macau

Bobby Yip

O sinal 8 foi hoje içado às 02:00 (19:00 de sábado em Lisboa), quando o super tufão Mangkhut se encontra a 430 quilómetros de Macau, anunciaram as autoridades.

A tempestade tropical, que causou pelos menos 12 mortos nas Filipinas e um em Taiwan, encontra-se a sudeste de Macau e continua a dirigir-se para a costa oeste da província de Guangdong, no sul da China.

Em comunicado, os Serviços Meteorológicos e Geofísicos (SMG) de Macau advertiram que, a partir de agora, o vento vai intensificar-se.
O aviso de inundações "storm surge" (maré de tempestade) vermelho continua em vigor desde as 21:00 de sábado, indicaram os SMG.

O sinal 8 de tempestade tropical implica o encerramento de parques de estacionamento, das pontes entre a península de Macau e a Taipa, e à suspensão dos transportes públicos e das ligações marítimas e aéreas.

Os postos fronteiriços das Portas do Cerco, do Cotai e do Parque Industrial Transfronteiriço foram também encerrados.

Em conferência de imprensa, no sábado, o diretor dos SMG, Raymond Tam, afirmou que "o supertufão Mangkhut estará mais próximo de Macau pelas 12:00 de domingo e na altura será içado o sinal 10", o máximo na escala de tempestades tropicais, composta pelos sinais 1, 3, 8, 9 e 10.

O sinal 10 poderá permanecer içado entre as 12:00 e as 18:00 e, tendo em conta as últimas estimativas, o nível de maré poderá atingir aproximadamente os cinco metros, durante o mesmo período, indicou.

O responsável acrescentou esperar, segundo as previsões, "inundações mais prolongadas relativamente ao tufão passado", numa referência ao Hato, cuja passagem por Macau, em 23 de agosto de 2017, deixou 29% da área total da cidade inundada, originando cortes no fornecimento de água e de eletricidade.

Além da emissão do aviso vermelho de "storm surge", o Comando de Operações da Proteção Civil de Macau ativou na mesma altura o plano de evacuação das zonas baixas da cidade.

Cerca de 400 pessoas recorreram já aos 16 centros de acolhimento disponibilizados pelo Governo, com capacidade para receber um total de 24 mil.

Durante a passagem do tufão Hato, considerado o pior em mais de 50 anos, dez pessoas morreram, mais de 240 ficaram feridas e os prejuízos em habitações, veículos, estabelecimentos comerciais, equipamentos e instalações municipais e também o impacto no volume de negócios das empresas foram avaliados em 1,3 mil milhões de euros.

Lusa

  • Taxistas em protesto por tempo indeterminado
    1:59

    País

    Os taxistas que esta quarta-feira manifestaram-se em Lisboa, no Porto e em Faro decidiram continuar com o protesto por tempo indeterminado. No entender das associações dos profissionais, a luta só vai acabar quando conseguirem travar a lei que regula as plataformas digitais como a Uber ou a Cabify.

  • Novos e-mails põem em causa valores da saída de Garay do Benfica
    2:44

    Desporto

    O pirata informático suspeito de ter desviado centenas de e-mails do Benfica revelou mais material, alegadamente comprometedor. Segundo uma mensagem alegadamente trocada entre Luís Filipe Vieira e Paulo Gonçalves, publicada esta quarta-feira na internet, o negócio da venda de Garay poderá ter sido feito por 13 milhões de euros e não por 6, como foi anunciado.

  • Saiba como escolher o melhor Plano Poupança Reforma
    8:32
  • Este pode ser um natal de sonho para os fãs de Harry Potter

    Mundo

    Os estúdios da Warner Brothers, em Londres, vão abrir as portas na época natalícia. Entre os dias 10 e 12 de dezembro o grande salão de Hogwarts servirá de cenário para um jantar que promete transportar os fãs de Harry Potter até ao imaginário de J.K. Rowling. Os bilhetes estão disponíveis a partir da próxima semana.

  • A imagem que está a emocionar a Índia

    Mundo

    A fotografia de um menino a despedir-se do pai, que morreu durante um acidente de trabalho, está a emocionar a Índia. Tanto que, num só dia, os internautas conseguiram angariar mais de três milhões de rupias (cerca de 36 mil euros) para ajudar a família.

    SIC

  • "Eu chupo e você?", a campanha contra as palhinhas que já dão multas no Brasil
    2:36

    Mundo

    A partir de hoje, o Rio de Janeiro vai multar até 340 euros todos os comerciantes que ofereçam palhinhas de plástico aos clientes. Em caso de reincidência, as multas podem ultrapassar os 1200 euros. Isto meses depois de ter sido lançada no país a campanha #paredechupar para eliminar os “canudos de plástico” que podem demorar mais de 400 anos a degradar-se. Só na União Europeia, são usadas 36,4 mil milhões de palhinhas todos os anos. Em todo o mundo, os números devem chegar aos mil milhões por dia.