Mundo

EUA não financiam reconstrução da Síria enquanto o Irão estiver presente

Hassan Ammar

Os Estados Unidos anunciaram na quarta-feira que não vão financiar a reconstrução da Síria, em guerra desde 2011, enquanto as forças iranianas e os soldados apoiados por Teerão não abandonarem o país.

"Temos sido claros: se a Síria não garantir a retirada total das forças apoiadas pelo Irão, não receberá um único dólar dos Estados Unidos para a reconstrução", afirmou o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo.

A administração norte-americana quer uma resolução política e pacífica depois de sete anos de conflito, que já causou mais de 360 mil mortos e mais de um milhão de feridos, bem como "a retirada das forças iranianas na Síria", defendeu Pompeo

"Hoje o conflito na Síria está a virar", afirmou, durante um discurso no Instituto Judaico de Segurança Nacional da América, reiterando que o regime de líder sírio, Bashar al-Assad, reforçou o seu controlo "no terreno "graças à Rússia e ao Irão". O grupo extremista Estado Islâmico "embora ainda não completamente erradicado, é agora uma sombra de si mesmo", apontou.

Mais de cinco milhões de sírios abandonaram o seu país desde o início do conflito e milhões de outros estão deslocados na Síria.

Lusa

  • PSP divulga fotos dos fugitivos do Tribunal do Porto e reforça dispositivo para capturar os três suspeitos
    1:16
  • "Acabámos com 6 jogadores da formação na equipa"
    1:27

    Desporto

    No final do jogo, João Manuel Pinto, treinador do Sertanense, mostrou-se orgulhoso com o trabalho da equipa, que joga no terceiro escalão do futebol português. Já Rui Vitória preferiu destacar a qualidade dos jogadores do Benfica que, apesar de serem menos utilizados neste inicio de época, estiveram em evidência.

  • Trump admite que Khashoggi pode estar morto
    2:50
  • "Pedro Proença quer que eu saia a todo o custo"
    3:00
  • Chuvas fortes afetam várias regiões em Espanha

    Mundo

    As chuvas fortes que afetam desde quinta-feira Espanha, as mais intensas da última década, estão a provocar problemas em várias regiões, em especial nas províncias da Comunidade Valenciana, mas sem registo de ocorrências graves nem danos pessoais.

  • Sextortion, o novo método de chantagem sexual na Internet
    2:17
  • Destruído mural de Vhils em Alcântara

    Cultura

    O mural, criado por Vhils, na parede da antiga fabrica da Sidul na Avenida da Índias, em Lisboa, foi esta quinta-feira destruído para dar lugar a um empreendimento urbanístico.