Mundo

Milhares de pessoas forçadas a fugir das chamas na Califórnia

Milhares de pessoas forçadas a fugir das chamas na Califórnia

Patrícia Almeida

Patrícia Almeida

Texto e edição

Jornalista

Cerca de 30 mil pessoas foram retiradas na quinta-feira no norte da Califórnia, nos Estados Unidos, devido a um incêndio que devastou a cidade de Paradise, onde casas, edifícios públicos como igrejas e escolas foram completamente engolidos pelas chamas.

Foram ainda evacuadas as pequenas cidades de Pulga, Magalia e Concow, no condado de Butte.
As autoridades locais emitiram ordens de retirada para partes da cidade de Chico, de 90.000 habitantes, para onde as chamas estão a avançar. A área afetada fica a 140 quilómetros da capital do estado da Califórnia, Sacramento, e a cerca de 280 quilómetros da área da baía de São Francisco.

O autarca da cidade de Paradise, Scott Lotter, que saiu da cidade com sua família, disse ao jornal The Sacramento Bee que "toda a cidade está em chamas" e descreveu um cenário de "horror e caos".

O governador em exercício da Califórnia, Gavin Newsom, pediu ao Governo Federal uma declaração presidencial de emergência, para libertar recursos físicos e financeiros adicionais para a área afetada.

Com Lusa

  • Sismo de 3.4 sentido no litoral norte do país

    País

    Um sismo de 3.4 na escala de Richter foi registado por volta das 20:00. Segundo as informações, todo o norte litoral do país sentiu o abalo, nomeadamente os distritos de Porto, Braga e Viana do Castelo.

  • Pertual: Portugal em Mirandês
    19:02
  • O plástico invadiu a Biosfera
    5:45
  • PSD tem a maior queda e vê PS subir nas intenções de voto
    2:22
  • Muitos britânicos querem segundo referendo ao Brexit
    2:02