Mundo

Guitarrista de jazz toca durante cirurgia ao cérebro

Os cirurgiões precisavam de ir testando as reações do músico sul-africano durante a operação.

O guitarrista de jazz sul-africano Musa Manzini foi operado ao cérebro completamente acordado. Durante as seis horas que demorou a operação, dedilhava a sua guitarra para os cirurgiões saberem como prosseguir.

"Desta forma fomos testando as regiões do cérebro antes da remoção [do tumor]", explicou ao site sul-africano IOL um dos dois cirurgiões principais, Basil Enicker, do Hospital Chief Albert Luthuli, em Durban. "Além de aumentar as hipóteses da remoção do tumor, minimizamos os riscos de lesões no cérebro", garantiu.

A equipa de Basil Enicker e de Rohen Harrichandparsad queriam minimizar o risco de paralisia ou perda de funções no córtex cerebral, que controla os movimentos voluntários.

Musa Manzini tem um tumor cerebral recorrente desde 2006 que lhe foi retirando capacidade de mover os dedos, o que a operação conseguiu devolver.

Está agora em recuperação e garante voltar aos palcos logo que esteja totalmente recuperado.

O vídeo de alguns momentos da operação

  • Desaparecimento de brasileira assinalado esta segunda-feira no Porto
    2:11