Mundo

10 meses depois, chega ao fim a intervenção militar no Estado do Rio de Janeiro

10 meses depois, chega ao fim a intervenção militar no Estado do Rio de Janeiro

Desde fevereiro que o exército tinha o controlo e a gestão da segurança pública para combater a crescente a onda de violência na cidade brasileira

O Exército brasileiro deixa hoje o comando do sistema de segurança pública do Rio de Janeiro, ao fim de dez meses, com uma queda de 6% nos índices de violência, mas um aumento significativo de mortes em operações policiais. Mais de 1.400 pessoas foram mortas pela polícia desde o início do ano.

Em meados de fevereiro, o Presidente do Brasil, Michel Temer, assinou um decreto passando o controlo e a gestão da segurança pública do Rio de Janeiro para as Forças Armadas, visando conter a onda de violência que se abateu sobre aquele estado desde o final dos Jogos Olímpicos de 2016.A validade desse decreto termina hoje, 31 de dezembro.

  • Desaparecimento de brasileira assinalado esta segunda-feira no Porto
    2:11