Opinião

Demissão de Azeredo Lopes "visa provavelmente proteger o primeiro-ministro"

Demissão de Azeredo Lopes "visa provavelmente proteger o primeiro-ministro"

Em entrevista à SIC Notícias, a diretora de informação da Rádio Renascença mostrou-se surpreendida com a demissão do ministro da Defesa, Azeredo Lopes, uma vez que o mesmo "tinha insistido em ficar", depois da descoberta do "complô" das armas roubadas em Tancos. Graça Franco defende ainda que também a posição do primeiro-ministro António Costa ficou difícil com este caso.

  • Ministro da Defesa demite-se

    País

    O ministro da Defesa, Azeredo Lopes, apresentou esta sexta-feira ao primeiro-ministro a sua demissão do Governo, foi confirmado à SIC. Na carta enviada a António Costa, explica que a demissão serve para evitar que as Forças Armadas sejam "desgastadas pelo ataque político" e pelas "acusações" de que disse estar a ser alvo por causa do processo de Tancos.