País

Morreu o jornalista Fernando de Sousa

É uma notícia que nenhum de nós gostaria de dar. Morreu o nosso correspondente da SIC em Bruxelas, Fernando de Sousa. Estava em Milão, para a cobertura da cimeira sobre o emprego. Tinha 65 anos.

Era o mais antigo correspondente em Bruxelas. Foi ele quem abriu a primeira delegação de um órgão de comunicação social português na capital belga, o Diário de Notícias. E foi também o português que mais cimeiras acompanhou.

Nascido a 16 de fevereiro de 1949, Fernando de Sousa passou pela RDP, BBC, Diário de Notícias e SIC.

Foi correspondente em Londres, na Alemanha e em Bruxelas.

Em 2006 foi condecorado pelo então Presidente da República Jorge Sampaio com a Ordem do Infante D. Henrique.

Fernando de Sousa disse um dia que gostava de morrer em missão. Morreu esta madrugada, em Itália, a trabalhar.