País

Um desafio para quem anda de bicicleta em Lisboa, Porto e Aveiro

MÁRIO CRUZ/LUSA

Ricardo Rosa

Ricardo Rosa

Jornalista

Começa esta segunda-feira uma competição pela cidade europeia que mais usa a bicicleta. Em Portugal, as áreas metropolitanas de Lisboa, Porto e Aveiro estão na prova. Qualquer um pode participar, basta usar uma aplicação no telemóvel e pedalar.

O European Cycling Challenge decorre durante todo o mês de maio e faz parte de um programa comunitário de promoção da bicicleta enquanto meio de transporte no quotidiano. Estão atualmente inscritos mais de 13 mil participantes de 52 localidades europeias. No fim do mês, vence a cidade que somar o maior número de quilómetros pedalados.

A contabilização das distâncias percorridas é feita através da aplicação Naviki (é gratuita), que deve ser instalada no smartphone por cada participante. Feito o registo, o utilizador adere ao desafio ECC2017 e à equipa que quer representar. Depois, terá que ligar a aplicação sempre que usar a bicicleta. As instruções estão no site oficial e a equipa de Aveiro fez também um tutorial em vídeo:

Além da região de Aveiro, Portugal participa no desafio com as áreas metropolitanas de Lisboa e Porto. Este domingo, eram pelo menos 257 os ciclistas urbanos portugueses inscritos:

  • Área Metropolitana de Lisboa: 134
  • Região de Aveiro: 96
  • Área Metropolitana do Porto: 27

Aveiro e Porto vão repetir a experiência, por sua vez Lisboa participa pela primeira vez.

As inscrições estão abertas durante o período do desafio, ou seja até ao fim de maio. Mas há que ter em conta que nem todas as atividades serão aceites, segundo o regulamento:

  • são válidas as viagens com velocidade média até 30 km/h;
  • são válidas as viagens com velocidade máxima até 45 km/h;
  • são válidas as viagens com percursos até 35 km;
  • as atividades de desporto e treino não são permitidas nas contagens.

O European Cycling Challenge existe desde 2012. As duas últimas edições foram ganhas pela cidade polaca de Gdansk, que este ano é já também a localidade com mais inscrições (1.869).

  • Ryanair acusada de compactuar com atitude racista de passageiro
    1:36

    Mundo

    Numa nova polémica a envolver a Ryanair, a companhia aérea low cost é acusada de compactuar com uma atitude racista, depois de um passageiro ter obrigado um comissário de bordo a mudar uma mulher negra de lugar. O caso já está a ser investigado pelas autoridades.

  • Maior ponte marítima do mundo reduz para 45 minutos uma viagem de 4 horas
    0:56
  • Uma semana depois da tempestade Leslie
    3:02
  • Adoções por militares dos EUA eram vistas na Terceira como uma bênção para as crianças
    5:16
  • Acordo histórico entre EUA e Rússia comprometido
    1:32