País

Rio defende que PSD está mais mobilizado, Santana recusa viabilizar governo PS

Rio defende que PSD está mais mobilizado, Santana recusa viabilizar governo PS

Pedro Santana Lopes diz que não viabilizará um governo do PS, nem de Bloco Central. À saída do debate desta manhã à rádio TSF e à Antena 1, Rui Rio sublinha que a campanha ajudou a aproximar o partido dos militantes e que hoje o PSD está muito mais mobilizado do que há meio ano.

  • Santana admite viabilizar um governo minoritário do PS sem António Costa
    2:30

    País

    Em entrevista à SIC, o candidato à liderança do PSD admite afinal viabilizar um governo minoritário do PS, mas só se não tiver António Costa como líder. A poucos dias das eleições internas no PSD, Pedro Santana Lopes mostra-se um candidato comprometido com o tempo em que foi primeiro-ministro. Santana acusa também Rui Rio de lhe copiar o discurso.

  • “Eu venho para mudar”
    22:53

    País

    Santana diz estar “em condições de disputar as próximas eleições e ganhar a António Costa” e reitera que vem “para mudar” e “para ganhar”. O candidato à liderança do PSD foi esta terça-feira entrevistado em direto no Jornal da Noite.

  • "Santana deve um pedido de desculpas a mim e aos militantes"
    22:02

    País

    O candidato à liderança do PSD Rui Rio foi esta segunda-feira entrevistado nos estúdios da SIC em Matosinhos. Rio disse não estar "desesperado" e refere que as indicações que tem são de que vai "claramente à frente" de Santana Lopes. O candidato à presidência dos social-democratas defende também que Santana Lopes lhe deve, a ele e aos militantes do PSD, um pedido de desculpas. Rui Rio falou ainda sobre os resultados da economia portuguesa, as prioridades que tem caso ganhe as eleições, o apoio a um eventual governo minoritário, o estado da Justiça e a atuação do Presidente da República.

  • Rui Rio admite suportar governo minoritário do PS
    1:11

    País

    A cinco dias das eleições para a presidência do PSD, Rui Rio defende uma diminuição do número de deputados do PS e do PSD, na Assembleia da República. O candidato à liderança partido admitiu a possibilidade de se aliar ao PS e a um governo minoritário nas próximas eleições legislativas.

  • Santana Lopes "sabe perfeitamente que vai atrás"
    0:26

    País

    Rui Rio diz que Santana Lopes sente necessidade de dirigir ataques, por saber que está em desvantagem na corrida à liderança do PSD. O candidato à liderança dos sociais-democratas lamenta ainda a postura de "baixo nível" do adversário.

  • Novo aeroporto "em banho-maria"
    0:24
  • Marcelo considera inaceitável divulgação de fotografias de três foragidos
    0:39

    País

    O ministro da Administração Interna considerou inaceitável a divulgação das fotografias dos foragidos do Porto detidos pela PSP. Eduardo Cabrita ordenou um inquérito para apurar como surgiram as imagens dos três homens, algemados, logo depois de terem sido apanhados pela polícia num parque de campismo em Gondomar. A divulgação das fotografias está a chocar o Governo e o Presidente da República. Marcelo Rebelo de Sousa diz que é necessário manter o respeito e dignidade das pessoas e ter atenção às fotografias divulgadas.

  • Medina explica que a Casa do Presidente foi concedida a uma empresa privada em 2014
    0:31

    País

    O presidente da Câmara de Lisboa explica que residência oficial é um "nome histórico" que ficou atribuído à Casa do Presidente da Villa, que foi concedida a uma empresa privada em 2014. A autarquia recebe 2600 euros por mês pelo aluguer do espaço. Fernando Medina acrescenta que a figura do presidente de Câmara não tem nenhuma residência oficial. 

  • Morte do jornalista saudita foi "monstruosamente planeada"
    0:45

    Mundo

    O porta-voz da Turquia, Omer Celik , acredita que a morte do jornalista Jamal khashoggi foi um crime planeado de forma monstruosa. O jornalista terá sido assassinado dentro do consulado saudita em Istambul. O Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, promete revelar toda a verdade sobre o caso.

  • Jovem de 16 anos aponta arma à cabeça da professora em França

    Mundo

    Dois alunos de uma escola em Créteil, na França, foram detidos depois de terem apontado uma arma à professora. Num vídeo filmado e divulgado por colegas, é possível ouvir o aluno a pedir à professora para lhe tirar a falta de presença, ao mesmo tempo que lhe apontava uma pistola de airsoft à cabeça.

  • Há um bufo no Manchester United e Mourinho quer descobrir quem é
    0:34
  • Barco com refugiados afunda a poucos metros da costa da Turquia
    2:21