País

Marcelo defende flexibilidade na aplicação de multas para a limpeza de terrenos

Marcelo defende flexibilidade na aplicação de multas para a limpeza de terrenos

O prazo para a limpeza da floresta, para os privados, termina na quinta-feira. O problema é que terminar os trabalhos a tempo será impossível para muitos proprietários, devido à chuva. O Presidente da República defende a flexibilidade na aplicação de coimas e o ministro da Agricultura garante que não haverá caça à multa.

  • Piloto que morreu no Estoril terá ficado sem travões
    1:17
  • Empresa de segurança sob suspeita na Guarda
    4:47
  • O embaraço do príncipe Harry
    0:29