País

Guardas prisionais do Porto em greve contra os novos horários

Guardas prisionais do Porto em greve contra os novos horários

Os guardas do estabelecimento prisional do Porto estão em greve contra os novos horários que prevêem turnos de oito horas. O sindicato garante que as alterações afetam a segurança das cadeias e pede a demissão do diretor-geral dos serviços prisionais.