País

Cidadã alemã detida no Aeroporto de Lisboa com arma elétrica

Uma cidadã alemã, de 50 anos, foi detida quarta-feira no Aeroporto de Lisboa, quando se preparava para embarcar rumo aos Estados Unidos da América (EUA), na posse de uma arma elétrica (taser), disse à agência Lusa fonte policial.

A mesma fonte explicou a mulher tinha embarcado anteriormente e passado com a arma em dois aeroportos europeus, incluindo o de Frankfurt, na Alemanha, reconhecido como um dos mais seguros da Europa, antes de aterrar em Lisboa, para apanhar um voo de ligação para os EUA.

A cidadã de nacionalidade alemã foi detida cerca das 15:45 por agentes policiais da Divisão do Aeroporto, quando tentava embarcar num voo com destino a Nova Iorque, nos EUA, país onde reside.

A mulher vai pernoitar numa cela do Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, em Moscavide, concelho de Loures, e será presente amanhã a um magistrado do Ministério Público, que decidirá qual o rumo a dar ao processo.

Lusa

  • Diretor artístico demite-se do Museu de Serralves
    2:44

    Cultura

    Estão ainda por esclarecer as razões da demissão do diretor artístico do Museu de Serralves. João Ribas apresentou a demissão esta sexta-feira, um dia depois da inauguração da exposição do fotógrafo Robert Mapplethorp. A demissão foi associada a restrições a algumas imagens de cariz sexual explícito. Mas a Fundação de Serralves garante que foi o próprio João Ribas quem decidiu retirar duas obras da exposição. E sublinha que estava decidido desde o início apresentar as obras de cariz sexual explícito numa zona com acesso restrito.

  • Personalidades do futebol dizem que Ronaldo foi vítima de excesso de zelo
    2:03

    Desporto

    A UEFA vai anunciar o castigo de Cristiano Ronaldo na próxima quinta-feira, depois do cartão vermelho que o internacional português recebeu no jogo da Liga dos Campeões. O castigo pode ir de um a três jogos de suspensão. Várias personalidades do mundo do futebol acreditam que o jogador foi vítima do excesso de zelo do árbitro.