País

Foi extinto o incêndio na Camacha, Madeira

HOMEM DE GOUVEIA

O incêndio que deflagrou na noite de quinta-feira na freguesia da Camacha, na Madeira, "está extinto", permanecendo no local meios para a fase de rescaldo e prevenção, disse o secretário com a tutela da Proteção Civil na região.

"Neste momento, podemos dizer que incêndio que deflagrou esta noite na Camacha [concelho de Santa Cruz] está extinto e mantemos meios operacionais no local para ações de rescaldo e de prevenção", afirmou o secretário regional da Saúde madeirense numa conferência de imprensa, ao início da tarde.


Pedro Ramos informou que o alerta para o fogo florestal foi dado por um popular, cerca das 20:40, tendo sido enviados para o local os meios necessários de acordo com a avaliação do Serviço Regional de Proteção Civil.


O governante mencionou que o total de meios humanos afetos ao combate a este incêndio foi de 48, "mais 16 quando começou a fase de substituição", além de 18 veículos, uma ambulância e um helicóptero que começou a participação ao início da manhã de hoje, antecipando a sua atuação para 07:30.


O responsável salientou que "foram reforçados os meios durante a noite" e elogiou o trabalho das sete corporações envolvidas no combate ao fogo, nomeadamente os municiais de Santa Cruz, Machico, Voluntários Madeirenses, Sapadores do Funchal, de Câmara de Lobos, Ribeira Brava e Santana.


Pedro Ramos destacou a importância da circunscrição do fogo, o que permitiu que o helicóptero atuasse de forma mais eficaz.


O secretário madeirense referiu que permanecem no local 40 operacionais e 12 viaturas para ações de rescaldo e prevenção.


Também fez um apelo à população da Madeira para "estar atenta, evitar fazer fogueiras e queimadas num tempo em que temperaturas são elevadas", para evitar este tipo de situações.


Até hoje, a Madeira registou neste verão "três incêndios com alguma dimensão", adiantou Pedro Ramos, sublinhando que "o meio aéreo foi utilizado com alguma eficácia e eficiência".

Lusa

  • Benfica defronta hoje o Sertanense no Estádio Cidade de Coimbra

    Desporto

    O Benfica, recordista de títulos na Taça de Portugal de futebol, assinala hoje a entrada em cena dos clubes primodivisionários na prova, ao defrontar o Sertanense, do Campeonato de Portugal, no arranque da terceira eliminatória. O jogo entre o líder da I Liga, em igualdade com o Sporting de Braga, e o oitavo classificado da série C do terceiro escalão - que nunca se defrontaram - tem início marcado para 20h45, no Estádio Cidade de Coimbra, devido à falta de condições do relvado do recinto da equipa da Sertã.

  • O "amor cego" de Francisco por Maria Leal
    35:21
  • Protesto contra abertura de templo a mulheres faz 30 feridos na Índia
    1:36
  • A "bebé milagre" que nasceu com 635 gramas faz 1 ano

    Mundo

    Uma recém-nascida britânica foi apelidada pelos médicos de "bebé milagre" e é fácil perceber porquê: nasceu às 27 semanas de gestação, pesava 635 gramas e sofreu duas paragens cardíacas, que impediram o coração de bater durante 22 minutos. Esta quarta-feira, completou um ano de vida.