País

Medina está a negociar com o Governo um corredor de transportes públicos sobre a A5

Medina está a negociar com o Governo um corredor de transportes públicos sobre a A5

Depois de interrompidas as obras na segunda circular por suspeitas de fraude, Medina revela que o compasso de espera para recomeçar está relacionado com outro projeto para Lisboa. O objetivo é introduzir um corredor de transporte público sobre a A5, um dos principais eixos de entrada na capital. Uma medida que garante que já foi apresentada ao Governo e que está em estudo. O autarca adiantou ainda que os municípios de Oeiras e Cascais concordam com a ideia.

  • A entrevista a Fernando Medina
    24:35

    Opinião

    O presidente da Câmara Municipal de Lisboa comentou as propostas partidárias para penalizar a especulação imobiliária, o caso Robles, e a redução nos passes sociais. Fernando Medina analisou ainda a investigação em curso à Torre de Picoas, a governação do Partido Socialista e a continuação à frente da Câmara de Lisboa.

  • Medina acredita que especulação imobiliária não se resolve com mais impostos
    3:33

    Opinião

    Em reação à "taxa Robles", Fernando Medina acredita que o problema não se resolve com mais impostos e lembra que apresentou há vários meses uma proposta no Parlamento para combater a especulação imobiliária. Quanto à mobilidade no centro de Lisboa, o presidente da Câmara avança, em entrevista à SIC Notícias, que está a negociar com o Governo a abertura de uma faixa para transportes públicos na A5.

  • “Esta governação tem sido particularmente bem-sucedida"
    2:53

    País

    O presidente da Câmara de Lisboa teceu vários elogios à governação do Partido Socialista, defendendo que o país está “muito melhor” em vários setores. Medina afirma ainda que o PS não tem nenhum problema “identitário” e que a sua ambição é de “dar corpo aos valores da esquerda”.

  • Torre de Picoas “desenvolveu-se de forma correta e transparente”
    4:06

    País

    Fernando Medina recusa responder às afirmações de Fernando Nunes da Silva sobre Manuel Salgado ser o verdadeiro presidente da Câmara Municipal de Lisboa e que o atual não conhece a cidade. O antigo vereador afirma ainda que a Torre de Picoas é “caso de polícia”. Sobre a investigação em curso a este negócio, Medina garante que a câmara vai colaborar, mas que o projeto não é suspeito e desenvolveu-se de forma “pública e transparente”.

  • Medina propõe redução fiscal para contratos imobiliários de longa duração
    5:48

    Economia

    O presidente da Câmara Municipal de Lisboa considera que a autarquia enfrenta um problema que “é preciso atacar” no crescimento acelerado dos preços na habitação. Fernando Medina considera, contudo, que penalizar a rotação no mercado não aumenta o número de casas disponíveis, e que essa deve ser a prioridade. Sobre as propostas apresentadas pelo BE e PSD, Medina é da opinião que não resolvem o problema.

  • “Não sabia do investimento de Ricardo Robles”
    0:58

    Economia

    Questionado sobre o investimento de Ricardo Robles, o presidente da Câmara de Lisboa negou ter qualquer conhecimento sobre a situação. Fernando Medina elogia a rapidez com que a questão foi ultrapassada e assegura que a cidade de Lisboa tem um “governo estável” concentrado em enfrentar as prioridades essenciais.

  • Ida para a SIC "foi uma decisão muito solitária"
    0:15
  • Uma gala, um anel e um pedido de casamento. O filme da noite da 70.ª edição dos Emmy
    1:13
  • A publicação dos U2 que irritou os fãs portugueses

    Cultura

    Num Altice Arena lotado, os U2 deram este domingo o primeiro de dois concertos em Lisboa. O balanço do espetáculo foi muito positivo mas o problema veio depois. Tudo por causa de uma publicação que a banda irlandesa fez no Twitter, a propósito de algumas das principais figuras portuguesas.

  • Serena Williams recusa pedir desculpa a árbitro português
    1:13

    Desporto

    Serena Williams abordou a polémica em torno da arbitragem na final do Open dos Estados Unidos da América, numa entrevista a um órgão de comunicação australiano. A tenista norte-americana afirmou que continua sem perceber a forma como foi tratada e defende que tem a razão do lado dela.

  • Juiz condenado a um ano e meio de prisão por violência doméstica
    1:34

    País

    O Tribunal da Relação de Guimarães condenou, esta segunda-feira, um juiz a um ano e meio de prisão com pena suspensa por violência doméstica. Vítor Vale terá ainda de pagar uma indemnização de 7500 euros à ex-companheira pelos danos causados pelas mensagens ofensivas e ameaçadoras.