País

Caloiros fotografados em roupa interior durante alegada praxe

Uma fotografia publicada nas redes sociais mostra uma alegada praxe de alunos da Faculdade de Arquitetura de Lisboa, onde aparecem de roupa interior. A instituição acusa a descontextualização da imagem.

A publicação foi feita na quinta-feira por Leonor Medeiros, antiga aluna da faculdade, e retrata uma alegada atividade de praxe com alunos em roupa interior.

“Em 2001 fui caloira da FA-UL e participei nas praxes: andei pintada de verde, cantei umas coisas sobre o Taveira, fiz o rally das tascas e fui batizada na fonte em Belém”, escreveu na sua conta de Facebook. “Mas agora andar por aí de roupa interior é... demais? Alguém controla as praxes ou faz-se o que qualquer um propõe?”, questiona a ex-aluna da FA-UL.

Ao Obervador, a faculdade garantiu que esta foi uma “ação voluntária e de auto-recriação por parte de alguns alunos”, acusando ainda a fotografia de estar “completamente descontextualizada”. A instituição acrescentou ainda que esta não seria uma praxe, e que os alunos retiraram algumas peças de roupa devido ao calor.

  • Esta casa foi construída por uma impressora 3D
    16:27
  • Dia extra na cimeira para se alcançar acordo sobre o clima
    1:21
  • O sonho americano
    12:13