País

Depressão Callum ameaça Açores, Madeira na mira do furacão Leslie

Rafael Marchante

O furacão Leslie tem uma probabilidade elevada de se fazer sentir na Madeira a partir de sábado, com vento forte, precipitação e trovoada, anunciou hoje o Instituto Português do Mar e da Atmosfera. Já o Centro de Previsão Meteorológica dos Açores emitiu na noite de quinta-feira um aviso laranja, para precipitação, devido à depressão Callum, que tem um sistema frontal associado.

Madeira na mira do furacão Leslie

A meteorologia admite uma grde probabilidade da Madeira e Porto Santo serem atingidas pelo furacão Leslie.

A partir da tarde de sábado haverá chuva forte acompanhada de trovoada,agitação marítima e ventos que podem atingir o 110 quilómetros por hora.

"O IPMA informa que às 21:00 [Notes:de quinta-feira] o centro do furacão Leslie, localizava-se a 1.868 quilómetros a oeste-sudoeste da ilha da Madeira. O furacão está a deslocar-se para este-nordeste a 35 quilómetros por hora", refere o IPMA.

Segundo o documento, é muito provável (probabilidade de 70 a 90%) que as ilhas da Madeira e Porto Santo venham a sofrer os efeitos do furacão, a partir das 09:00 de sábado.

"Nestas condições prevê-se, a partir da tarde do sábado, vento forte do quadrante sul com rajadas até 90 quilómetros por hora, sendo que, nas regiões montanhosas, o vento será forte a muito forte, com rajadas até 110 quilómetros por hora", salienta.

O IPMA refere ainda que está previsto o aumento da agitação marítima, bem como precipitação forte, acompanhada de trovoada.

Açores

Desde ontem à noite, que os Açores estão sob aviso laranja para chuva. A depressão Callum deve agravar o estado do tempo no arquipélago e os efeitos já se notam na força do vento e na agitação marítima fortes, no grupo Oriental, sobretudo em Santa Maria.

"Prevê-se que a superfície frontal fria associada à depressão Callum se intensifique na região do grupo Oriental, especialmente em Santa Maria. Nestas condições, prevê-se ocorrência de precipitação dentro dos limites do aviso laranja", refere o Centro de Previsão Meteorológica dos Açores em comunicado.

O Centro de Previsão Meteorológica dos Açores acrescenta que a depressão Callum, com um sistema frontal associado, tem condicionado o estado do tempo em todo o arquipélago dos Açores.

"Verifica-se um aumento da intensidade do vento bem como da agitação marítima e ocorrência de precipitação por vezes forte", conclui.

  • A chuva chegou e deverá voltar no fim de semana
    1:06

    País

    A chuva está de volta a todo o país, depois de um verão que se prolongou pelo outono. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera a precipitação deve dar uma trégua amanhã, sexta-feira, mas poderá voltar já no fim de semana. Hoje o interior norte (Vila Real e Viseu) e Coimbra chegaram a estar sob aviso amarelo devido à precipitação, durante a madrugada e até ao início desta manhã.

  • A chuva chegou e deverá voltar no fim de semana
    1:06

    País

    A chuva está de volta a todo o país, depois de um verão que se prolongou pelo outono. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera a precipitação deve dar uma trégua amanhã, sexta-feira, mas poderá voltar já no fim de semana. Hoje o interior norte (Vila Real e Viseu) e Coimbra chegaram a estar sob aviso amarelo devido à precipitação, durante a madrugada e até ao início desta manhã.

  • Portugueses têm menos filhos do que gostariam

    País

    A diretora da representação do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) disse esta sexta-feira que em Portugal a fertilidade desejada está bastante abaixo da realizada, tendo o país uma taxa de fecundidade baixa.