País

Nova PGR reconhece que vai estar sob “permanente escrutínio público”

Nova PGR reconhece que vai estar sob “permanente escrutínio público”

A nova procuradora-geral da República, Lucília Gago, diz estar consciente do escrutínio público a que vai passar a estar sujeita, e sublinha a importância de não se fazerem juízos pré-concebidos baseados em "teorias da conspiração" amplificados pelas redes sociais.