País

Morreu idoso que matou mulher e cunhada no Alandroal

O homem ainda foi transportado, em estado grave, para o Hospital Santa Maria, em Lisboa, depois de disparar sobre si próprio.

O idoso que matou esta sexta-feira a mulher e uma cunhada, com tiros de pistola, e se tentou suicidar, em Alandroal (Évora), acabou por morrer no Hospital de Santa Maria, em Lisboa, disse à agência Lusa fonte policial.

De acordo com a mesma fonte, o homem, de 83 anos, ainda foi transportado, em estado grave, num helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) para o hospital lisboeta, onde acabou por morrer no bloco operatório.

O idoso matou a mulher, de 83 anos, e uma irmã desta, também na casa dos 80 anos, com tiros de uma pistola, e disparou depois contra si próprio, com a mesma arma de fogo, como forma de cometer suicídio, num monte perto de Terena, no concelho de Alandroal, distrito de Évora, relataram à Lusa fontes policiais.

Lusa