10 Minutos

"Queremos disponibilizar medicamentos para quem não os pode comprar"

"Queremos disponibilizar medicamentos para quem não os pode comprar"

Maria de Belém colabora com a Associação Dignitude, através da qual defende a necessidade de disponibilizar o acesso dos medicamentos a quem não tem capacidade para os comprar. Em entrevista à SIC Notícias, no espaço "10 Minutos", a antiga presidente dos socialistas revela que no próximo aniversário da Associação, Marcelo Rebelo de Sousa deverá estar presente.

  • "Não saí do PS, sou militante de base"
    0:51

    País

    Maria de Belém assume que se afastou da esfera política mediática, mas garante que não saiu do PS. Em entrevista à SIC Notícias, no espaço "10 minutos", a antiga presidente dos socialistas recorda que integra a comissão política do PS e diz que continua disponível para contribuir para o partido que já presidiu.

  • "As contas das presidenciais são um problema meu"
    0:56

    País

    Maria de Belém Roseira continua a pagar as contas da campanha para as últimas presidenciais. Em entrevista à SIC Notícias, a ex-candidata presidencial não quis comentar a posição do PS em relação à candidatura de Sampaio da Nóvoa.

  • 10 Minutos com Maria de Belém
    11:28

    10 Minutos

    Entrevistamos uma mulher que tem optado pelo silêncio no ultimo ano. Maria de Belém Roseira, ex-candidata presidencial e atual presidente do Conselho Geral e de Supervisão da associação Dignitude, é a convidada do 10 Minutos da SIC Notícias esta quinta-feira.

  • Juiz Neto Moura processou agente da PSP que lhe apreendeu o carro
    3:28

    País

    Além dos quatro militares da GNR processados pelo juiz Neto Moura, o magistrado também levou a tribunal o agente da PSP que em 2012 apreendeu o carro do juiz, porque circulava sem matrículas. Ao contrário dos militares, o agente da PSP foi absolvido.

    Notícia SIC

  • FBI despede agente que fez críticas a Trump

    Mundo

    Peter Strzok, um agente da política federal (FBI, na sigla em inglês), que o procurador especial Robert Mueller tinha removido da investigação à interferência russa pelas mensagens de correio eletrónico anti-Trump, foi despedido.