E se fosse consigo?

Há ou não racismo em Portugal?

E Se Fosse Consigo?

Há ou não racismo em Portugal?

E SE FOSSE CONSIGO?, o programa que a SIC vai estrear na segunda feira, 18 de Abril, pelas 20:50, lançou já o debate: somos ou não um país racista? De que forma se revelam e manifestam esses comportamentos?

Centenas de milhares de pessoas já viram os vídeos de lançamento do programa E Se Fosse Consigo?

O debate chegou em força às redes sociais, as opiniões sobrepõem-se ou dividem-se, como em todos os assuntos pouco estudados e discutidos.

Há a convicção de que os portugueses se consideram um povo tolerante e integrador. Mas será mesmo assim?

Nas relações sociais, no momento de arranjar emprego ou de fazer a lista de deputados, será que a cor da pele não pesa nos critérios, nas escolhas, nas decisões?

Mesmo antes da estreia, a discussão sobre o tema está em cima da mesa. A forma como o Senhor Silva, cozinheiro num restaurante em Lisboa, analisa a questão (no vídeo) traduz certamente o que muitos portugueses pensam sobre o assunto.

Os resultados de uma sondagem que a SIC vai divulgar no Primeiro Jornal de sábado confirmam a tese de que em Portugal é política e socialmente incorreto assumir e defender publicamente comportamentos racistas.

Ao contrário de outros países, em que a discriminação racial entrou de forma clara no discurso político (o exemplo mais brutal é o programa do The Finns Party, na Finlândia, que chegou a defender a esterilização dos emigrantes africanos), por cá, a grande maioria dos entrevistados diz rejeitar o racismo. “E se um dia a sua filha lhe aparecer em casa com um namorado de outra cor?”. O incómodo da maioria é evidente nas respostas.

  • Há ou não racismo em Portugal?
    1:55

    Racismo

    O racismo é o tema do primeiro programa E SE FOSSE CONSIGO?, a estrear na segunda feira, 18 de Abril, pelas 20:50, em simultâneo na SIC e na SIC Notícias. Logo a seguir, a SIC Notícias, abre espaço a um debate, moderado pela coordenadora e apresentadora do programar Conceição Lino. Mesmo antes da estreia, a discussão sobre o tema, o racismo em Portugal, está lançado.

  • Enfermeiros iniciam greve de dois dias 

    Economia

    Os sindicatos dos enfermeiros deram início, à meia noite, a dois dias de greve nacional que visa pressionar o Governo a apresentar uma contraproposta ao diploma da carreira de enfermagem.

  • Novos e-mails põem em causa valores da saída de Garay do Benfica
    2:44

    Desporto

    O pirata informático suspeito de ter desviado centenas de e-mails do Benfica revelou mais material, alegadamente comprometedor. Segundo uma mensagem alegadamente trocada entre Luís Filipe Vieira e Paulo Gonçalves, publicada esta quarta-feira na internet, o negócio da venda de Garay poderá ter sido feito por 13 milhões de euros e não por 6, como foi anunciado.

  • Saiba como escolher o melhor Plano Poupança Reforma
    8:32
  • Este pode ser um natal de sonho para os fãs de Harry Potter

    Mundo

    Os estúdios da Warner Brothers, em Londres, vão abrir as portas na época natalícia. Entre os dias 10 e 12 de dezembro o grande salão de Hogwarts servirá de cenário para um jantar que promete transportar os fãs de Harry Potter até ao imaginário de J.K. Rowling. Os bilhetes estão disponíveis a partir da próxima semana.

  • A imagem que está a emocionar a Índia

    Mundo

    A fotografia de um menino a despedir-se do pai, que morreu durante um acidente de trabalho, está a emocionar a Índia. Tanto que, num só dia, os internautas conseguiram angariar mais de três milhões de rupias (cerca de 36 mil euros) para ajudar a família.

    SIC

  • "Eu chupo e você?", a campanha contra as palhinhas que já dão multas no Brasil
    2:36

    Mundo

    A partir de hoje, o Rio de Janeiro vai multar até 340 euros todos os comerciantes que ofereçam palhinhas de plástico aos clientes. Em caso de reincidência, as multas podem ultrapassar os 1200 euros. Isto meses depois de ter sido lançada no país a campanha #paredechupar para eliminar os “canudos de plástico” que podem demorar mais de 400 anos a degradar-se. Só na União Europeia, são usadas 36,4 mil milhões de palhinhas todos os anos. Em todo o mundo, os números devem chegar aos mil milhões por dia.