E se fosse consigo?

Fernando Duarte ficou paraplégico na véspera de aceitar o trabalho que ia mudar-lhe a vida

Fernando Duarte ficou paraplégico na véspera de aceitar o trabalho que ia mudar-lhe a vida

Na véspera de aceitar o trabalho que, acreditava, ia mudar-lhe a vida, Fernando Duarte saiu para festejar. A vida mudou. Mas para uma dificuldade que não esperava.

Fernando Duarte lembra-se de acordar no hospital e ficar a saber que um carro tinha ido contra ele e estava destinado a ficar paraplégico.

Lutou, deu a volta ao destino e hoje é capaz de caminhar com a ajuda de muletas. Mas em seis anos só conseguiu trabalhar duas vezes num projeto da Segurança Social.

Sem direito a férias, sem direito aos descontos, sem direito a nada. Obrigado a viver em casa dos pais, continua à procura de trabalho.

  • "Eu também tenho as minhas provas": Maria Leal responde à polémica no Jornal da Noite
    0:13
  • Animais em risco de ficar sem comida na União Zoófila
    3:04