sicnot

Perfil

Ricardo Costa

Ricardo Costa

Diretor de Informação

  • Zedu vai mesmo embora? (e mais oito ou nove perguntas sobre Angola)

    Mundo

    O Comité Central do MPLA aprovou hoje as listas de deputados às legislativas de agosto. E José Eduardo dos Santos não encabeça a lista. O segundo presidente com mais tempo no poder em todo o mundo - 38 anos - vai mesmo sair. João Lourenço é o homem que se segue. Algumas perguntas e respostas sobre o que se pode seguir em Angola

    Ricardo Costa

  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • 1961, quando Salazar entregou o Século XX a Soares 

    Opinião

    É fácil encontrar datas precisas ou redondas para assinalar a carreira de qualquer político. Na de Mário Soares isso não é exceção, bem pelo contrário, com demasiadas datas a poderem servir como âncora de grandes momentos: as eleições presidenciais, a adesão à CEE, o debate televisivo com Cunhal, a manifestação da Fonte Luminosa, a chegada a Lisboa depois do 25 de abril, a fundação do PS no exilio, a defesa de Humberto Delgado, o degredo, as doze prisões e as lutas contra a ditadura. Todas essas datas mostram a importância e a longevidade da carreira política de Soares, mas nenhuma aponta ao momento em que a história virou a seu favor de forma que se transformasse no político mais determinante do último quartel do Século XX e, para muitos (eu incluído), o mais importante da segunda metade do século.

    Ricardo Costa

  • Mensagem de Ano Novo do Presidente da República em análise
    8:00

    Opinião

    "Os problemas económicos e financeiros mantêm-se, nenhum deles desapareceu", considera Ricardo Costa, que defende também que "há uma normalização institucional, na medida em que não se sente uma crise política". Para José Gomes Ferreira "o principal problema do país é a falta de competitividade" e "a economia não se faz por decreto, são os privados que a fazem".

    Ricardo Costa e José Gomes Ferreira

  • "Marcelo carrega toda a tinta no argumento da inoportunidade política"
    6:39

    Opinião

    O veto do Presidente ao decreto do fim do sigilo bancário não foi uma surpresa, mas Ricardo Costa destaca o peso dado às razões políticas da decisão, apesar das dúvidas jurídicas. O diretor de Informação da SIC antecipa também o que o Governo pode agora fazer e não vê razão para que as relações institucionais se deteriorem com este veto.

    Ricardo Costa

  • "Esta era a candidata que se temia há algum tempo"
    6:58

    Opinião

    A búlgara Kristalina Georgieva é a nova candidata a secretária-geral da ONU. Para Ricardo Costa "esta era a candidata que se temia há algum tempo", por se tratar de uma pessoa apoiada pela Comissão Europeia e com ligações ao leste europeu. O Diretor de Informação da SIC diz ainda que a chave para a decisão de quem irá chefiar os destinos das Nações Unidas pode estar nas mãos de Vladimir Putin.

    Ricardo Costa