sicnot

Perfil

Cultura

Filme sobre Edward Snowden estreia quinta-feira em Portugal

O documentário "Citizenfour", de Laura Poitras, sobre o ex-analista norte-americano Edward Snowden, que denunciou, a jornalistas, em 2013, a existência de um programa global norte-americano de vigilância, estreia-se quinta-feira, em Portugal.

© Mark Blinch / Reuters

O filme, estreado nos Estados Unidos em 2014 e premiado este ano com um Óscar de melhor documentário, foi feito em junho de 2013, registando os encontros que Edward Snowden teve com os jornalistas Glenn Greenwald, Ewen MacAskill e Laura Poitras, num hotel em Hong Kong, e nos quais denuncia o vasto programa de vigilância indiscriminada de comunicações da Agência de Segurança Nacional (NSA) norte-americana.

"Citizenfour" encerra uma trilogia de Laura Poitras sobre os Estados Unidos pós-ataques terroristas de 11 de setembro de 2001. Dessa trilogia fazem igualmente parte os filmes "My country, my country" (2006), sobre a guerra no Iraque, e "The Oath" (2010), sobre a prisão de Guantánamo.

Laura Poitras, jornalista e realizadora norte-americana, foi contactada pela primeira vez por Edward Snowden - que utilizava o nome "Citizenfour" - em janeiro de 2013, quando estava já a preparar um filme sobre vigilância e privacidade.

Depois de várias trocas de mensagens - recuperadas para o filme - Edward Snowden aceitou participar num documentário que registasse precisamente as suas denúncias com informações confidenciais sobre um programa de vigilância de todos os cidadãos norte-americanos, extensível a outros países.

Em "Citizenfour", Edward Snowden afirma que não procurava protagonismo, mas que queria denunciar um assunto que diz respeito a todos, sobre vigilância em massa e violação de privacidade.

À medida que regista as declarações de Edward Snowden, fechado num quarto de hotel em Hong Kong, Laura Poitras acompanha ainda o impacto mediático e político global das revelações do ex-informático e conselheiro norte-americano, de 31 anos. 

Edward Snowden, que está refugiado na Rússia, num local não determinado, disse em junho de 2013, em entrevista a um jornal de Hong Kong, que não era "nem traidor nem herói" por revelar o esquema de vigilância e espionagem.

Snowden só admite regressar aos Estados Unidos quando lhe for garantido um julgamento justo pelas acusações de espionagem de que é alvo.

De acordo com o advogado do ex-informático, Anatoli Kucherena, por agora, a única promessa que o procurador-geral dos Estados Unidos fez a Snowden é que, no caso de regressar e de ser submetido a julgamento, não será condenado à pena capital.

Na altura em que Snowden passou as informações aos jornalistas - que acabaram por ser distinguidos com o prémio Pulitzer -, a Agência Nacional de Segurança defendeu que "mais de 50 potenciais atos terroristas" foram evitados devido aos dois programas de vigilância divulgados pelo ex-consultor informático.

A história de Edward Snowden já deu origem a uma adaptação cinematográfica, que o realizador Oliver Stone está a rodar atualmente na Alemanha com o ator Joseph Gordon-Levitt como protagonista.


Lusa
  • Morreu o vocalista da banda Linkin Park

    Cultura

    Um dos vocalistas da banda de metal alternativo Linkin Park, Chester Bennington, morreu, em casa, numa cidade do condado de Los Angeles, aos 41 anos. Chester Bennington ter-se-á suicidado, de acordo com a plataforma TMZ. O músico juntou-se aos Linkin Park em 1999, três anos após a formação da banda, que editou o seu álbum de estreia, "Hybrid Theory", em 2000. O disco, do qual fazem parte temas como "In the End", "Crawling" e "One Step Closer", vendeu dez milhões de cópias só nos Estados Unidos.

  • O perfil do novo herói do surf português
    3:43
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • CGTP acusa PT de ilegalidades no dia da greve
    0:46

    Economia

    A CGTP pede a intervenção do Governo na PT. Esta quinta-feira, na SIC Notícias, Arménio Carlos acusou a empresa de estar a cometer mais uma ilegalidade, ao ter requisitado trabalhadores para cumprir serviços mínimos uma semana antes do permitido por lei.

  • Altice responde a António Costa
    1:33

    Economia

    A Altice respondeu ao Governo, na sequência das críticas de António Costa, lamentando que Portugal não reconheça a importância dos investimentos que o grupo faz no país. A dona da PT inaugurou esta quinta-feira um novo call center em Vieira do Minho e, na sexta-feira, está marcada uma greve geral dos trabalhadores da PT.

  • Protesto dos enfermeiros é "ilegal"
    2:37
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26

    Aqui há História

    Os baixios da barra do Tejo já foram cemitério de centenas de embarcações. Uma delas foi o Patrão Lopes, o navio de salvamento que saía para o mar quando todos fugiam das tempestades. Foram cinco dias em agonia até naufragar no Bugio, num caso que acabou na barra do tribunal. 80 anos depois, a SIC mergulhou no Patrão Lopes porque "Aqui Há História".

  • Sismo de magnitude 6.9 na Turquia

    Mundo

    Um forte sismo com magnitude 6.9 na escala de Richter fez-se sentir esta quinta-feira a sul da cidade turca de Bodrum. A informação foi avançada pela agência norte-americana de Geologia.