sicnot

Perfil

Cultura

Adriano Moreira candidato ao Prémio Princesa das Astúrias 2015

O jurista e professor universitário Adriano Moreira é candidato ao Prémio Princesa das Astúrias 2015, na categoria Ciências Sociais, confirmou o próprio à agência Lusa.

Lusa

Lusa

(LUSA/ ARQUIVO)

A candidatura ao Prémio Princesa da Astúrias, disse Adriano Moreia à agência Lusa, foi entregue pela Academia de Ciências de Lisboa, instituição que o jurista, estadista, ex-deputado, antigo ministro e líder partidário (CDS) chegou a presidir.

O prazo para entrega das candidaturas terminou na passada quinta-feira, 12 de março, anunciou a fundação espanhola.

No total foram entregues 223 candidaturas, de 51 países, em oito categorias: Artes, Letras, Ciências Sociais, Comunicação e Humanidades, Investigação Científica e Técnica, Cooperação Internacional, Concórdia e Desportos.

Cada vencedor recebe uma escultura de Joan Miró e 50 mil euros, além de um diploma e uma insígnia.

Adriano Moreira, de 92 anos, licenciou-se em Direito pela Universidade de Lisboa em 1944, e doutorou-se, na mesma área, pela Universidade Complutense de Madrid e pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP), de Lisboa.

Foi deputado e presidente do CDS, ministro do Ultramar durante o Estado Novo (de 1961 a 1963), entre muitos outros cargos na vida política portuguesa.

Foi presidente da Sociedade de Geografia e, mais tarde, da Academia de Ciências de Lisboa.

Recebeu vários prémios e condecorações, tais como: a medalha de Mérito Cultural, medalha Militar de Serviços Distintos grau ouro da Marinha, medalha de Mérito Aeronáutico, Royal Victorian Order, Grã-Cruz da Ordem Militar de Santiago da Espada, entre outros. 

Além de Adriano Moreira, na categoria Ciências Sociais,  também a antiga maratonista portuguesa Rosa Mota será candidata aos Prémios Princesa das Astúrias, na categoria Desportos. O nome de Rosa Mota foi proposto pelo Comité Olímpico de Portugal e pelo embaixador de Espanha em Portugal.

Lusa

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.

  • Brasil já tirou o "pé do chão"
    1:59

    Mundo

    Já começaram os desfiles e festas de carnaval, no Rio de Janeiro.Esta sexta feira foi o início oficial das celebrações com centenas de milhar de pessoas nas ruas até de madrugada.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Atores de Hollywood contra Trump
    1:44

    Mundo

    Centenas de pessoas juntaram-se em mais um protesto contra o presidente dos Estados Unidos. A manifestação, em Beverly Hills, juntou várias estrelas de Hollywood.