sicnot

Perfil

Cultura

Ator brasileiro Cláudio Marzo morre aos 74 anos no Rio de Janeiro

O ator brasileiro Cláudio Marzo morreu hoje na Clínica São Vicente, no Rio de Janeiro, aos 74 anos, onde estava internado devido a uma pneumonia desde o início de março, noticiou hoje a edição online do jornal Globo. 

Filho de uma família de operários e descendente de italianos, Cláudio Marzo abandonou os estudos aos 17 anos para trabalhar como figurante na TV Paulista e, aos 25 anos, foi convidado para trabalhar na TV Globo. 

Integrou o primeiro grupo de atores contratados pela Globo, inaugurada em abril de 1965, responsável pela maioria das novelas brasileiras transmitidas em Portugal, como "Pantanal" e "Kananga do Japão". 

 "Sempre tive vontade de ser ator, achava uma coisa fantástica. Os atores emocionavam-me. Achava interessante transmitir emoções e consciência de mundo para as pessoas. Na época, eu acreditava, ingenuamente até, que o teatro pudesse modificar o mundo", disse o autor numa entrevista antiga, citada hoje pelo jornal Globo. 

Lusa
  • Marinha e Exército dão luz verde ao Aeroporto do Montijo

    País

    De acordo com a edição deste domingo do Diário de Notícias, o Exército e a Marinha já comunicaram à Força Aérea disponibilidade para desocupar parcialmente a base aérea e o Montijo se transformar num num aeroporto complementar ao de Lisboa.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.