sicnot

Perfil

Cultura

Ator brasileiro Cláudio Marzo morre aos 74 anos no Rio de Janeiro

O ator brasileiro Cláudio Marzo morreu hoje na Clínica São Vicente, no Rio de Janeiro, aos 74 anos, onde estava internado devido a uma pneumonia desde o início de março, noticiou hoje a edição online do jornal Globo. 

Filho de uma família de operários e descendente de italianos, Cláudio Marzo abandonou os estudos aos 17 anos para trabalhar como figurante na TV Paulista e, aos 25 anos, foi convidado para trabalhar na TV Globo. 

Integrou o primeiro grupo de atores contratados pela Globo, inaugurada em abril de 1965, responsável pela maioria das novelas brasileiras transmitidas em Portugal, como "Pantanal" e "Kananga do Japão". 

 "Sempre tive vontade de ser ator, achava uma coisa fantástica. Os atores emocionavam-me. Achava interessante transmitir emoções e consciência de mundo para as pessoas. Na época, eu acreditava, ingenuamente até, que o teatro pudesse modificar o mundo", disse o autor numa entrevista antiga, citada hoje pelo jornal Globo. 

Lusa
  • Luaty Beirão satisfeito com sinais de mudança de paradigma em Angola
    4:03

    Mundo

    Sete meses depois da tomada de posse de João Lourenço como presidente de Angola, o país vive um tempo de revoluções. Mudanças inéditas que, nas palavras do ativista Luaty Beirão, permitem ter esperança num futuro melhor. O músico esteve em Lagos, a convite da Câmara Municipal, para falar sobre Livros e Liberdade.

  • O portal onde pode consultar certidões e outros documentos sem sair de casa
    7:37
  • Presidente da Comunidade de Madrid demite-se depois da divulgação de vídeo de roubo
    1:27