sicnot

Perfil

Cultura

Ator da série "Everybody loves Raymond" suicidou-se

Sawyer Sweeten, um dos gémeos, que entravam na série televisiva 'Everybody Loves Raymond', morreu esta madrugada, com um tiro na cabeça.

Sawyer Sweeten, à esquerda, ao lado da irmã, Madylin Sweeten e Sullivan Sweeten, imrão gémeo, na 8ª edição dos prémios televisivos "Land Awards" em Los Angeles, em 2010.

Sawyer Sweeten, à esquerda, ao lado da irmã, Madylin Sweeten e Sullivan Sweeten, imrão gémeo, na 8ª edição dos prémios televisivos "Land Awards" em Los Angeles, em 2010.

Jordan Strauss

Sawyer Sweeten desempenhava o papel de Geoffrey Barone, um dos filhos de Raymond e Debra, e irmão gémeo de Michael, interpretado pelo seu verdadeiro irmão, Sullivan.

Morreu, esta madrugada, com um tiro na cabeça. A informação é adiantada pelo britânico "The Independent".

A família já confirmou a morte através de um comunicado: "informamos que o nosso querido filho, irmão e amigo Sawyer Sweeten suicidou-se".

De acordo com fontes próximas da família, citadas pela imprensa, Sawyer tinha ido visitar a família ao Texas. Terá ido até à varanda, na frente da casa, e disparou com uma fogo na cabeça.

Sawyer tinha 19 anos. Tornou-se famoso como um dos gémeos da série que foi para o ar em 1996. Segundo a IMDB, a base de dados Internacional de Filmes, Sawyer não entrou em mais nenhuma série desde o final de "Everybody loves Raymond" em 2005.

Desconhece-se os motivos que levaram o jovem ator a cometer suicídio.




  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC