sicnot

Perfil

Cultura

Roberto Carlos volta a Portugal nove anos depois

Roberto Carlos volta a Portugal nove anos depois

Nove anos depois, Roberto Carlos está de volta a Portugal para quatro concertos. Amanhã e sexta-feira, no MEO Arena, em Lisboa. Sábado e segunda-feira, no Multiusos de Gondomar. Com 120 milhões de discos vendidos em todo o Mundo, o rei, como é chamado, tem 74 anos e 56 deles são dedicados à musica.

  • Roberto Carlos já está em Lisboa
    0:15

    Cultura

    Roberto Carlos já está em Lisboa. O cantor chegou ontem, ao final da tarde, ao aeroporto de Figo Maduro de onde seguiu para o hotel onde está hospedado. O rei da música popular brasileira veio diretamente de Londres, onde esteve durante dois dias a gravar nos lendários estúdios Abbey Road. Roberto Carlos chegou a Lisboa acompanhado de uma equipa de cerca de 60 pessoas que o vai acompanhar nos concertos que o trazem a Portugal. À chegada falou, em exclusivo com a SIC, sobre este regresso nove anos depois da última vez que aqui esteve. A entrevista em exclusivo para a SIC vai ser transmitida na íntegra, amanhã no Primeiro Jornal.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".