sicnot

Perfil

Cultura

Festa do Cinema encerra com mais de 200 mil espetadores em todo o país

A Festa do Cinema contabilizou mais de 200 mil espetadores, ao fim de três dias da iniciativa que colocou os bilhetes a 2,5 euros, nas sessões das 500 salas aderentes, em todo o país.

Charlie Neibergall / AP

Estes números atingiram as expectativas iniciais da organização, que, em comunicado, sublinha que a média de espetadores triplicou durante estes três dias. 

Os números já conhecidos, ainda provisórios, do terceiro e último dia da iniciativa, apontam, segundo a organização para um total de 77.809 espetadores, que, somados aos dos restantes dois dias, perfazem um total de 199.735 espetadores.

Estes números, indica a organização, excluem ainda os resultados de alguns cineclubes, auditórios municipais e cinemas independentes, que ainda não concluíram o envio os seus resultados do evento ao Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA).

A organização destaca ainda o facto de, ao longo dos três dias da Festa do Cinema, se verificar um crescendo de espetadores: 53.399 na segunda-feira, 68.527, na terça-feira, e 77.809, na quarta-feira. 

De acordo com a organização, as sessões mais concorridas nas 500 salas de cinema que aderiram à iniciativa em todo o país foram, pelo segundo dia consecutivo, "as dos filmes 'Os Vingadores' ('Avengers') e 'Velocidade Furiosa 7' ('Furious 7'), estando o filme português 'Capitão Falcão' entre os que mais esgotaram [na quarta-feira], por todo o país".

A Festa do Cinema é uma iniciativa organizada pelos exibidores e distribuidores portugueses, para "celebrar o ato cultural e social de ir ao cinema", num panorama de quebras consecutivas de espetadores e receitas de bilheteira.

Nuno Sousa, um dos organizadores da iniciativa, espera que a Festa do Cinema marque presença no calendário, crie hábitos nos espetadores e imprima uma dinâmica no mercado que justifique "que se produzam filmes nacionais para estrear no contexto da Festa". "É o que acontece já em Espanha", onde também acontece uma iniciativa semelhante.

Segundo dados do Instituto do Cinema e Audiovisual, Portugal registou, em 2014, os piores valores de consumo de cinema em sala, desde 2004, com 12 milhões de espetadores e 62,7 milhões de euros de receita de bilheteira.

O primeiro trimestre de 2015 apresentou, no entanto, um aumento, tanto de espetadores como de receitas, impulsionados pelas estreias dos filmes "As cinquenta sombras de Grey" e "Velocidade Furiosa 7". 

Entre janeiro e março, as exibições comerciais de cinema em todo o país registaram 3,3 milhões de espetadores e 17,1 milhões de euros de receita bruta de bilheteira.
Lusa
  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.