sicnot

Perfil

Cultura

Uma fábula de cães e seres humanos

Cartaz Cinema

Uma fábula de cães e seres humanos

Produto da moderna cinematografia húngara, “Deus Branco” é a história, inesperada e perturbante, de uma revolta dos cães contra os seres humanos.

João Lopes comenta algumas das principais novidades da semana, começando por propor uma breve memória de alguns dos títulos mais importantes do recente Festival de Cannes.

Kondrél Mundruczó, cineasta da Hungria, propõe uma fábula invulgar: uma menina perde o seu cão, que se vai transformar em líder de uma revolta em que os primeiros visados são os seres humanos — é uma história carregada de simbolismo e também o resultado de uma complexa filmagem.

“Timbuktu”, de Abderrahmane Sissako, é um filme de uma grande actualidade. Nele se narra a ocupação de uma pequena comunidade de pastores, no Mali, por um grupo de fundamentalistas islâmicos — um testemunho contra a violência e um exemplo de um cinema genuinamente político.

Quando foram lançados, respectivamente em 1967 e 1968, “Sou Curiosa” e “Continuo a Ser Curiosa” impuseram-se como o testemunho de uma nova geração. O realizador sueco Vilgot Sjöman reflectia, afinal, as mudanças dos tempos e os valores de uma nova geração — ambos os filmes estão agora disponíveis, em reposição.

* Banda sonora: “Moneyball – Jogada de Risco (2011), de Bennett Miller

> “The Streak”, Mychael Danna

  • Mais de 50 milhões de italianos decidem futuro do país
    1:43

    Mundo

    Este domingo, está nas mãos de mais de 50 milhões de eleitores italianos o futuro do país. Mais do que um voto à reforma constitucional, o referendo terá consequências políticas diretas no Governo italiano. As urnas fecham às 23h00, 22h00 em Lisboa. Os primeiros resultados são esperados meia hora depois.