sicnot

Perfil

Cultura

Manoel de Oliveira é homenageado hoje no festival de cinema da Figueira da Foz

O realizador Manoel de Oliveira, que morreu em abril com 106 anos, é homenageado hoje na Figueira da Foz, com a atribuição, a título póstumo, do Prémio Carreira do Figueira Film Art e entrega da medalha da cidade.

© Tobias Schwarz / Reuters

O Figueira Film Art, que está a decorrer desde segunda-feira na Figueira da Foz, distrito de Coimbra, entrega hoje o Prémio Carreira ao cineasta do Porto Manoel de Oliveira, que será recebido pelo ator Ricardo Trêpa, neto do realizador.

A cerimónia de homenagem a Manoel de Oliveira, que tinha aceitado ser padrinho do festival, ocorre às 22:00, no Casino da Figueira da Foz, e conta com um espetáculo do Coro dos Orfeonistas da Universidade de Coimbra e a exibição do "'making of' do filme da EDP que [o cineasta] realizou", disse à agência Lusa o diretor do festival, Luís Albuquerque.

Às 18:00, a Câmara Municipal da Figueira da Foz vai também homenagear o realizador de "Vale Abraão", com a entrega, a título póstumo, da medalha da cidade, no Salão Nobre do Edifício dos Paços do Concelho.

Também no Casino da Figueira, é exibido às 16:00 o filme "Singularidades de uma Rapariga Loura", de 2009, que valeu a Catarina Wallenstein o Globo de Ouro de Melhor Atriz.

Manoel de Oliveira nasceu no Porto em 1908 e estreou-se com a curta "Douro, Faina Fluvial", em 1931, tendo realizado ao longo da sua carreira mais de 30 longas, tais como "Aniki-Bóbó", de 1942, "Amor de Perdição", 1979, "Os Canibais", de 1988, e "A Divina Comédia", de 1991.

O Figueira Film Art termina no domingo, sendo exibidos durante o evento 110 filmes de 11 países.

Em competição, vão estar 13 longas-metragens, cerca de 80 curtas (divididas nas secções ficção, documental e videoclipe) e ainda filmes realizados em âmbito escolar - a maioria do ensino superior.

Os filmes vencedores nas diferentes categorias serão apresentados no CAE, no domingo, após a cerimónia de entrega dos prémios no Casino Figueira, no sábado.

O evento conta com um orçamento de cerca de 50 mil euros e tem o apoio do Casino da Figueira e da Câmara Municipal da Figueira da Foz.

Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC