sicnot

Perfil

Cultura

"Os observadores de pássaros" da Palmilha Dentada estreiam-se à procura da esperança

A companhia de teatro Palmilha Dentada vai estrear, na quinta-feira, no Porto, a peça "Os observadores de pássaros", um espetáculo que o encenador, Ricardo Alves, descreveu hoje como sendo sobre esperança, no primeiro trabalho que desenvolve sem diálogo.

JOS\303\211 COELHO

Em declarações aos jornalistas no final de um ensaio para a imprensa no auditório Isabel Alves Costa do Teatro Municipal Rivoli, Ricardo Alves disse que é "um espetáculo sobre esperança, como ter esperança, o que fazer com a esperança", para depois concretizar: "a esperança de ver o pássaro, principalmente".

Em palco, q"Os observadores de pássaros" da Palmilha Dentada estreiam-se à procura da esperança (C/ FOTOS)
uatro intérpretes -- Inês Mariana Moitas, Ivo Bastos, Nuno Preto e Rodrigo Santos -- movem-se sem dizer uma palavra por um cenário coberto de lixo, por entre garrafas de plástico, bidões, pneus, baldes, até antenas e telefones.

"Nunca tem palavras. Desta vez esquecemos as palavras para procurar novas dramaturgias", disse o encenador.

Ricardo Alves lamentou que, hoje em dia, "a triste realidade [seja] que é impossível viver da bilheteira" e disse que "um dos principais problemas da Palmilha Dentada é sentir que não há espaços no Porto" que possam acolher temporadas mais alargadas.

Daí que "Os observadores de pássaros" esteja em cena no Teatro Municipal Rivoli, entidade que coproduz, entre quinta-feira e domingo e que depois siga para Vila Nova de Gaia, onde vai estar no Armazém 22 entre 01 e 18 de outubro.

No texto distribuído aos jornalistas, pode ler-se que é possível "observar pássaros e dar sentido a toda uma coreografia de estranhezas, adivinhando hábitos e construindo leituras de uma espécie com bico".

Lusa

  • Défice recua quase 400 milhões de euros em janeiro

    Economia

    O buraco das contas públicas atingiu os 625 milhões de euros no primeiro mês de 2017, segundo os dados da execução orçamental. É uma redução de 397 milhões, quando comparado com o mesmo mês do ano passado.

    Em desenvolvimento

  • "Fiz coisas de que me envergonho"
    2:31
  • Portugal é o segundo país da Europa com mais emigrantes
    1:39

    País

    São 2,3 milhões os portugueses que vivem no estrangeiro, ou seja, 22% da população. O último relatório do Observatório da Emigração relativo a 2015 mostra que se manteve o mesmo número de saídas de Portugal para o estrangeiro registadas no pico atingido em 2013: acima das 110 mil por ano. O Reino Unido é o principal país de destino.

  • Descoberta produção de canábis em abrigo nuclear 

    Mundo

    A polícia britânica descobriu, no sul de Inglaterra, um antigo abrigo nuclear subterrâneo adaptado à produção de canábis em grande escala. A operação levou à detenção de cinco homens e um adolescente de 15 anos. Foram também apreendidas milhares de plantas de canábis.

  • Carnaval na Almirante Reis
    2:39

    País

    Lisboa também celebra o Carnaval e esta manhã mais de três mil crianças participaram num desfile pela Avenida Almirante Reis, alunas de escolas públicas e privadas de 24 nacionalidades. Na freguesia de Arroios vivem estrangeiros de 79 nacionalidades.