sicnot

Perfil

Cultura

Fãs gastam meio milhão de dólares em leilão sobre "Guerra das Estrelas"

Os "super" fãs da "Guerra das Estrelas" (Star Wars) gastaram hoje meio milhão de dólares (455 mil euros) em objetos ligados à saga, num leilão realizado pela Sotheby's em Nova Iorque.

Seth Wenig

Mais de 600 itens dos filmes de culto "Star Wars" encontraram novas casas na venda organizada pela Sotheby's e eBay, a poucos dias da estreia da "Guerra das Estrelas: O despertar da Força", o episódio VII da saga.

Todos os itens leiloados vieram da coleção privada do designer e empresário criativo japonês Nigo, que iniciou a coleção de brinquedos e figuras relativas aos filmes há décadas, quando tinha seis anos.

O episódio VII da "Guerra das Estrelas" é marcado pelo regresso de atores bem conhecidos dos fãs da saga.

Harrison Ford, Mark Hammil e Carrie Fisher voltam a protagonizar o filme, nas personagens de Han Solo, Luke Skywalker e Princesa Leia, respetivamente. Também Peter Mayhew volta para interpretar Chewbacca.

O primeiro filme da saga "Guerra das Estrelas", da autoria de George Lucas, foi lançado em maio de 1977, dando origem a um fenómeno mundial da cultura popular e a uma das obras cinematográficas mais lucrativas de sempre.

O filme deu origem a duas trilogias: os episódios IV a VI de 1977 a 1983, e os episódios I a III de 1999 a 2005.

Lusa

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45

    País

    Durante a abertura do ano judicial, a Procuradora-Geral da República e o presidente do Supremo Tribunal aproveitaram para deixar um recado à ministra da Justiça: é urgente aprovar o novo estatuto de juízes e magistrados. O presidente do Supremo diz que é injusta a má imagem da Justiça e pediu contenção aos magistrados.

  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21