sicnot

Perfil

Cultura

"Star Wars" passou barreira dos mil milhões de dólares em receitas

O novo filme da saga "Star Wars" passou hoje a barreira de mil milhões de dólares em receitas mundiais, doze dias após a sua estreia, estabelecendo assim um novo recorde, anunciou a Disney.

© Benoit Tessier / Reuters

"'O Despertar da Força' obteve uma receita de 286.8 milhões de dólares em todo o mundo no segundo fim de semana de exibição, passando hoje a barreira de mil milhões de dólares desde a sua estreia em tempo recorde", referem os estúdios Disney num comunicado hoje divulgado.

As receitas do sétimo episódio da saga dividem-se em partes iguais entre a América do Norte (545 milhões de dólares) e o resto do mundo (546 milhões de dólares).

O filme estreou-se este fim de semana na Grécia e na Índia. É possível ver "O Despertar da Força" em salas de todo o mundo à exceção da China, onde o filme chega apenas a 09 de janeiro.

"O Despertar da Força", realizado por J.J. Abrams, é o sétimo filme de uma série idealizada pelo realizador norte-americano George Lucas e que se tornou num fenómeno da cultura popular, marcando várias gerações de espetadores ao longo dos últimos quarenta anos.

O filme é também o primeiro desde que os estúdios Disney assumiram os comandos da série, adquirida a George Lucas em 2013 por quatro mil milhões de dólares.

De acordo com o New York Times, a Disney espera ter uma receita de bilheteira global de 2,5 mil milhões de dólares e uma previsão de 5 mil milhões de dólares por vendas de produtos associados à série. Até 2020 deverão estrear-se quatro novos filmes.

Lusa

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.