sicnot

Perfil

Cultura

Alejandro Sanz interrompe concerto no México para defender uma mulher

Alejandro Sanz interrompeu o concerto de sábado passado em Rosarito, no México, para pedir a expulsão de uma das pessoas que assistia. O cantor espanhol acusou-o de agredir uma mulher.

Chris Pizzello

Aconteceu durante a primeira canção, enquanto o público gritava eufórico ao ritmo da música "La música no se toca". De repente, Alejandro Sanz deixou de cantar, apontou para um homem no público, largou a guitarra e desceu do palco, de acordo com o BBC Mundo.

Perante o ar espantado da audiência, e do coro que continuou a cantar, o cantor espanhol encarou o homem. Segundo as informações que a imprensa local deu, em causa estaria a perseguição a uma mulher.

Alejandro Sanz disse algo a um dos seguranças e voltou a subir ao palco e disse "isso não se faz". O homem foi expulso do concerto e quando a canção chegou ao fim, Sanz explicou o que aconteceu: "Peço desculpa por este episódio, porque não concebo que ninguém toque em ninguém (...) e muito menos numa mulher".

O momento foi registado por centenas de telemóveis.

  • Governo garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo de ajuda alimentar
    1:18

    País

    O ministro da Solidariedade e Segurança Social garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo europeu de ajuda alimentar. Vieira da Silva respondeu, esta manhã, à notícia avançada pelo Jornal de Notícias que dava conta de que, este ano, o país teria desperdiçado 28 milhões de euros de um fundo europeu porque o programa ainda não está operacional. O ministro garante que o programa vai ser executado em 2017 e que este ano serviu para tomar medidas no sentido dessa implementação. Vieira da Silva assegura também que o montante disponível para o programa não foi desperdiçado e vai poder ser usado.

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01