sicnot

Perfil

Cultura

Fátima Lopes apresenta coleção para o próximo outono/inverno na sexta-feira em Paris

A designer de moda portuguesa Fátima Lopes apresenta na sexta-feira em Paris "Cultura Rapsódia", a sua coleção para o próximo outono/inverno que é, segundo a própria, "muito sofisticada e versátil".

YOAN VALAT

"A ideia principal é a versatilidade. É uma coleção muito sofisticada e em simultâneo versátil, na qual cada peça pode ser usada de várias formas", disse esta quarta-feira Fátima Lopes.

As peças da coleção, "muito trabalhada e muito pensada", misturam vários materiais e têm "detalhes de luxo".

Para a próxima estação fria, a criadora optou por materiais como caxemiras, rendas e sedas, mas também lãs e malhas tricotadas.

"Todos os materiais são texturizados", acrescentou.

Esta é também uma coleção "muito gráfica, contemporânea e moderna", que junta 'prêt-a-porter' (pronto-a-vestir) e alta-costura.

Quanto aos tons, Fátima Lopes optou por "preto e branco, brancos, crus, rosas escuros e pavão".

Do desfile de sexta-feira faz também parte a nova coleção de calçado, a quarta na carreira de Fátima Lopes, que está "em sintonia com a coleção de vestuário, nas mesmas tonalidades".

A coleção é apresentada pelas 17:00 (16:00 em Lisboa) no Laboratoire, na Rue du Bouloi, à margem do calendário oficial da Semana da Moda de Paris, do qual Fátima Lopes já fez parte em anos anteriores.

"Cultura Rapsódia" será apresentada no final do mês em Portugal, mais concretamente durante o Portugal Fashion, no Porto.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22