sicnot

Perfil

Cultura

World Press Photo é inaugurada no dia 28 em Lisboa

A exposição de fotojornalismo "World Press Photo", que inclui as imagens vencedoras do repórter português Mário Cruz, vai inaugurar-se no dia 28, no Museu da Electricidade, em Lisboa.

INACIO ROSA

Até 22 de maio será possível ver na exposição as fotografias vencedoras do 59.º concurso internacional World Press Photo, cujo grande prémio foi atribuído ao australiano Warren Richardson, por uma reportagem feita em agosto de 2015, com refugiados na fronteira entre a Sérvia e a Hungria.

Entre os premiados está também Mário Cruz, que venceu o primeiro prémio na categoria "Contemporary Issues", com uma reportagem sobre tráfico e exploração de trabalho infantil no Senegal, com crianças senegalesas e guineenses.

A fotografia que deu o Grande Prémio a Warren Richardson mostra um homem a tentar passar uma criança por baixo de arame farpado. A reportagem valeu-lhe também o primeiro prémio na categoria "Spot News".

O júri elogiou a simplicidade e o poder da fotografia de Warren Richardson, sobretudo o simbolismo do arame farpado. "Achámos que tem tudo o que é preciso para mostrar o que está acontecer com os refugiados", afirmou na altura Francis Kohn, membro do júri,

O fotojornalista Mário Cruz foi premiado por uma reportagem sobre tráfico e exploração de trabalho infantil no Senegal, com crianças senegalesas e guineenses, publicada na revista Newsweek.

Mário Cruz, que trabalha na agência Lusa desde 2008, passou seis meses a fazer investigação, tirou uma licença sem vencimento e rumou em 2015 ao Senegal e à Guiné-Bissau, onde passou um mês e meio a registar as condições em que vivem algumas das crianças, apanhadas numa rede criminosa de exploração infantil.

A reportagem já foi posteriormente premiada, com um terceiro lugar, no concurso internacional POYi - Pictures Of The Year.

À 59.ª edição do concurso World Press Photo concorreram 5.775 fotógrafos de 128 países.

Lusa

  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.