sicnot

Perfil

Cultura

Carlos do Carmo atua pela primeira vez com a Orquestra Gulbenkian

O fadista Carlos do Carmo, distinguido com um Grammy latino Carreira, em 2014, atua hoje às 21.30, pela primeira vez com a Orquestra Gulbenkian, em Lisboa, no âmbito do 60.º aniversário da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG).

MARIO CRUZ

Carlos do Carmo e o seu trio - José Manuel Neto (guitarra portuguesa), Carlos Manuel Proença (viola de fado) e Daniel Pinto (baixo acústico) - atuam no anfiteatro do jardim Gulbenkian, à Palhavã, em Lisboa, com a Orquestra Gulbenkian dirigida pelo maestro Rui Pinheiro.

O cantor e compositor brasileiro Ivan Lins é o convidado especial, que interpretará alguns temas com a Orquestra Gulbenkian e um dueto com Carlos do Carmo.

"Aceitei com muita honra este convite da Orquestra Gulbenkian, que representa uma instituição que tenho como referência histórica da cultura portuguesa e de uma importância inigualável", afirma Carlos do Carmo em comunicado enviado à Lusa.

Referindo-se a Ivan Lins, o criador de "Canoas do Tejo" afirma: "Nada melhor do que convidar um amigo e grande músico, Ivan Lins, para em conjunto partilharmos este momento que considero como uma distinção".

Segundo informação da FCG, além de Ivan Lins (voz e piano), e do trio de músicos de Carlos do Carmo, participam também os músicos Cláudio Ribeiro (guitarra) e Chris Wells (percussão e bateria).

Carlos do Carmo, com uma carreira de mais de 50 anos, é filho da fadista Lucília do Carmo, e foi o primeiro artista português a receber um Grammy latino Carreira, a soprano Elisabete Matos tinha sido distinguida no universo da música clássica, na primeira edição dos Grammy latinos, em 2000.

Em 2013, quando celebrou 50 anos de carreira, Carlos do Carmo editou o álbum, "Fado é amor", que gravou em duo com vários fadistas, entre eles, Ricardo Ribeiro, Camané, Mariza, Raquel Tavares e Marco Rodrigues.

"Canoas do Tejo", "Os putos", "Lisboa, menina e moça", "Por morrer uma andorinha", "Bairro Alto", "Vem, não te atrases", "pontas soltas", "O homem das castanhas", "Um homem na cidade", são alguns êxitos que pontuam a sua carreira.

Lusa

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02