sicnot

Perfil

Cultura

"Obras Públicas": street art na Reportagem Especial

Hoje no Jornal da Noite

"Obras Públicas": street art na Reportagem Especial

A arte urbana é vista hoje pelas autarquias como um valioso contributo e as galerias abrem a porta aos artistas. Veja aqui um excerto da Reportagem Especial que estreia mais logo no Jornal da Noite

Durante anos era associado a vandalismo. Aos poucos, o graffiti foi conquistando espaço e admiradores.

Centenas de paredes e fachadas pintadas por artistas nacionais e internacionais colocam Portugal no mapa mundial da arte urbana.

"Obras Públicas" é uma reportagem especial para ver hoje, no Jornal da Noite.

  • O mapa das obras que pintam Portugal

    Cultura

    Somos cada vez mais surpreendidos nas ruas por paredes, fachadas, muros e desenhos que são verdadeiros museus a céu aberto. A partir de agora, e em atualização constante, mostramos-lhe um mapa interativo com cerca de 600 obras de artistas consagrados, estrangeiros e portugueses. Além da localização que funciona também com georreferenciação com coordenadas GPS, mostramos-lhe o que vai ver e a quem pertence. Tudo para ajudá-lo a encontrar estas obras que pintam o rosto de Portugal.

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.