sicnot

Perfil

Cultura

Museu alemão recupera gravura de Durer encontrada em França

Um museu alemão recuperou uma gravura de bronze do artista alemão do século XVI Albrecht Durer, encontrada numa loja de velharias no leste de França.

Wikimedia Commons

A obra de arte, datada de 1520 e intitulada "Maria von einem Engel gekront" ("Maria coroada por um anjo"), foi graciosamente restituída por um arqueólogo francês reformado, que pediu para ficar anónimo, disse Anette Frankenberger, porta-voz da Staatsgalerie de Estugarda.

O doador encontrou por acaso esta gravura numa loja de velharias, que tinha acabado de receber o recheio de uma casa de Sarrebourg.

A obra, que desapareceu no final da Segunda Guerra Mundial, encontra-se "em muito bom estado", talvez por "ter ficado embrulhada em papel", acrescentou a porta-voz.

Antes de estar à venda no meio de velharias, a gravura "pertencia a um antigo presidente da câmara adjunto de Sarrebourg", disse.

"Ainda não sabemos quando ficará de novo disponível para o público", indicou Anette Frankenberger

Albrecht Durer foi um gravador, pintor, ilustrador e matemático alemão, originário de Nuremberga, e um dos artistas mais importantes do Renascimento na Alemanha e na Europa do Norte.

Lusa

  • Depois do Fogo
    0:25
  • Quer conhecer os cães mais feios do mundo?
    1:15

    Mundo

    Na Califórnia, nos Estados Unidos, já foi eleito o cão mais feio do mundo de 2017, num concurso que se repete há 29 anos. Com 57 quilos, Martha recebeu a distinção enquanto ressonava no palco.