sicnot

Perfil

Cultura

Wiz Kalifa e Martin Garrix atuaram para mais de 40 mil pessoas

Wiz Kalifa e Martin Garrix atuaram para mais de 40 mil pessoas

O rapper norte-americano Wiz Khalifa e o DJ holandês Martin Garrix atuaram esta quinta-feira no Meo Sudoeste. Wiz Khalifa estreou-se em Portugal com um concerto onde apresentou o disco lançado este ano. C4 Pedro, Seu Jorge, Damien Marley e DJ Kura são os artistas que atuam hoje no festival. Segundo dados da organização passaram 41 mil pessoas pela Herdade da Casa Branca.

  • No Sudoeste, o dilema é entre a Praia ou o Canal
    3:35

    Cultura

    Com os concertos à noite, os festivaleiros do Meo Sudoeste confrontam-se com o dilema de como ocupar o dia. A praia da Zambujeira do Mar e o Canal da Herdade da Casa Branca são as duas opções para os campistas aliada à música e diversão.

  • O ensaio dos Atoa no Meo Sudoeste
    4:53

    Cultura

    Os Atoa vão atuar esta noite no palco Santa Casa no Meo Sudoeste. A jovem banda de Évora tornou-se um sucesso na Internet e passam agora para os palcos dos festivais de verão. A SIC esteve em direto no ensaio da banda.

  • Milhares na receção ao campista no Sudoeste
    2:29

    Cultura

    O MEO Sudoeste começa sempre com a receção ao campista, uma espécie de aperitivo para os que chegam um dia antes. Mas sobretudo para animar os que já estão há vários dias a viver em tendas junto ao recinto do festival. A reçeção começou por volta das 22 horas e contou com a atuação de vários DJ no palco principal.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.