sicnot

Perfil

Cultura

Ministro da Cultura lamenta morte de José Rodrigues

O ministro da Cultura lamentou este sábado, em Santarém, a morte do escultor José Rodrigues, que considerou "uma perda terrível", salientando a obra "considerável" do artista e o seu papel como "militante" da cultura e também político.

Luís Filipe de Castro Mendes falava à agência Lusa no final da entrega do Prémio Europa Nostra 2016, na área de conservação, atribuído pela Comissão Europeia à Catedral e ao Museu Diocesano de Santarém.

"É um grande artista, não só pela obra que deixou, que é considerável, mas também pelo papel de agente cultural, de militante da cultura, que sempre teve, e também de militante político destemido contra a ditadura", afirmou o ministro, adiantando que estará presente no funeral do artista, para lhe prestar a sua homenagem.

Numa nota emitida hoje, o Ministério da Cultura destaca José Rodrigues como "um dos artistas plásticos mais relevantes da sua geração".

"Além da obra notável, foi agente ativo na divulgação descentralizada das artes, nomeadamente na Bienal de Cerveira, que fundou com Jaime Isidoro e Henrique Silva. Um evento que Agustina Bessa-Luís definiu como 'um encontro de escolas e uma decisão de vida pública com as artes'", lê-se na nota do ministério, enviada à imprensa.

O escultor e artista plástico José Rodrigues morreu hoje, aos 79 anos, num hospital no Porto, onde estava internado há cerca de uma semana, disse à Lusa fonte da Fundação do Escultor José Rodrigues.

No Porto, José Rodrigues adquiriu e recuperou a antiga Fábrica Social, espaço que usava como ateliê e onde instalou a fundação com o seu nome, dotada de salas de exposição e de um auditório.

Entre outras obras, José Rodrigues é autor do cubo da Praça da Ribeira e do Monumento ao Empresário na Avenida da Boavista, ambos no Porto.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.