sicnot

Perfil

Cultura

Festivais de música em 2016 devem chegar aos 2 milhões de espectadores

Este ano os mais de 200 festivais de música portugueses deverão atingir os dois milhões de espectadores, revelou esta quinta-feira a Associação Portuguesa de Festivais de Música (APORFEST).

De acordo com a APORFEST, este ano houve 243 festivais - que têm a música como principal enfoque -, um número recorde comparado com anos anteriores, o que potencia também o número de espectadores.

Se em 2015 a associação registou 1,8 milhões de espectadores, este ano "ultrapassar-se-á, por certo, os dois milhões de espectadores" quando se fizer a contabilização total até dezembro.

No entanto, a APORFEST alerta para "uma maior clivagem e separação entre os festivais 'ditos grandes' e os restantes festivais. Em 2016, a maioria dos festivais ocorridos não ultrapassa os 500 espectadores diários".

Este ano, e de acordo com a associação, o Rock in Rio Lisboa foi o festival que registou mais espectadores - 329 mil -, seguindo-se o NOS em d'Bandada, no Porto, com 200 mil, e o Meo Sudoeste, perto da Zambujeira do Mar, com 195 mil espectadores.

Entre os dez festivais com maior audência estão ainda o NOS Alive (Algés), o RFM SOMNII (Figueira da Foz), o Festival de Paredes de Coura e o Festival Músicas do Mundo, de Sines.

A APORFEST registou este ano a realização de 61 novos festivais de música, como o Lisboa Dance Festival e Les Plages Électroniques Lisboa, e seis que foram cancelados, como o Alvalade Rocks e o Greenland Festival.

Lusa

  • Pedro Abrunhosa na terceira edição do Festival F
    2:14

    Cultura

    O segundo dia do Festival F contou com cerca de 12 mil pessoas. Foi a terceira edição do último grande festival de verão, que se realiza no centro histórico de Faro. Pedro Abrunhosa foi um dos protagonistas de uma noite cheia de música portuguesa.

  • Lisboa na Rua traz música à capital
    2:43

    Cultura

    Já começou a 8ª edição do Lisboa na Rua, um festival que toma de assalto as praças e ruas da capital, com entrada gratuita até 1 de outubro. Por exemplo, o largo do Teatro Nacional de São Carlos serve de palco para as noites "Sou do Fado". Nesta edição, as freguesias de São Domingos de Benfica, Carnide e Lumiar são incluídas pela primeira vez.

  • Mais de um milhão de crianças em risco de morrer à fome
    1:23

    Mundo

    Cerca de 1.4 milhões de crianças estão em risco iminente de morrer à fome. Deste modo, a UNICEF faz um apelo urgente de cerca de 230 milhões de euros para levar nos próximos meses comida, água e serviços médicos a estas crianças. As imagens desta reportagem podem impressionar os espectadores mais sensíveis.

  • Vídeo amador mostra destruição na Síria
    1:04

    Mundo

    A guerra na Síria continua a fazer vítimas mortais. Um vídeo amador divulgado esta segunda-feira mostra o estado de uma localidade a este de Damasco, depois de um ataque aéreo no fim-de-semana. No ataque, 16 pessoas morreram e há várias dezenas de feridos.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35
  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32
  • Homem que esfaqueou mulher em Esmoriz é acusado de homicídio qualificado
    1:24

    País

    O homem que no sábado esfaqueou a mulher em Esmoriz está acusado de homicídio qualificado. O arguido de 50 anos foi ouvido esta segunda-feira pelo juiz de instrução e ficou em prisão preventiva, uma medida fundamentada pelo perigo de fuga e de alarme. O homem remeteu-se ao silêncio durante o interrogatório, no Tribunal de Aveiro.

  • Homem condenado a oito anos e meio por abuso sexual da mãe
    1:10

    País

    O Tribunal de Coimbra condenou esta segunda-feira um homem de 53 anos a oito anos e meio de prisão por abuso sexual da mãe e ainda por crimes de roubo e coação. A mãe, de 70 anos, sofria de problemas nervosos e consumia bebidas alcoólicas com frequência, tendo sido vítima de abuso sexual por parte do filho enquanto dormia. Os crimes cometidos remetem para o início de 2016, depois do homem já ter cumprido outras penas de prisão em Espanha.

  • Jovem de 21 anos morre colhida por comboio na linha da Beira Baixa
    0:43

    País

    Uma jovem de 21 anos morreu esta segunda-feira ao ser atropelada pelo comboio Intercidades à saída da estação de Castelo Branco, na linha da Beira Baixa. A vítima foi colhida pelo comboio que seguia no sentido Lisboa-Covilhã ao atravessar a linha de caminho de ferro. Este é um local onde não existe passagem de nível, mas habitualmente muitas pessoas arriscam fazer a travessia da linha.

  • Banco do Metro com pénis gera polémica no México

    Mundo

    Um banco em formato de homem com o pénis exposto, numa das carruagens de Metro da Cidade do México, está a gerar polémica. A iniciativa integra uma campanha contra o assédio sexual de que as mulheres são vítima no país.