sicnot

Perfil

Cultura

Três filmes portugueses no Festival de Cinema de Chicago

Os filmes "São Jorge", de Marco Martins, e "Ascensão", de Pedro Peralta, e a coprodução lusobrasileira "A cidade onde envelheço", de Marília Rocha, integram em outubro o Festival Internacional de Cinema de Chicago, nos Estados Unidos.

De acordo com a organização, "São Jorge" foi selecionado para a secção "World Cinema", "Ascensão" será exibido no programa de curtas-metragens e "A cidade onde envelheço" para a competição de novos realizadores.

A 52ª edição do Festival de Cinema de Chicago decorrerá de 13 a 27 de outubro.

"São Jorge" é o mais recente filme de Marco Martins, sobre um pugilista, desempregado de longa data, que aceita trabalhar numa empresa de cobranças difíceis, para pagar as suas próprias dívidas e para tentar que a mulher e a filha permaneçam no país.

A personagem Jorge valeu este mês a Nuno Lopes o Prémio Especial de Melhor Ator no festival de cinema de Veneza. O filme terá estreia comercial em Portugal no final deste ano.

"São Jorge" foi rodado nos bairros da Bela Vista (Setúbal) e Jamaica (Seixal), com atores profissionais e não profissionais, e o argumento foi feito por Marco Martins e pelo escritor Ricardo Adolfo.

Além de Nuno Lopes, o filme conta com Mariana Nunes, David Semedo, José Raposo, Jean-Pierre Martins, Ricardo Fernandes, Beatriz Batarda e Gonçalo Waddington.

"Ascensão" foi exibido em Cannes e premiado no IndieLisboa. No filme, com uma sequência de apenas três planos e direção de fotografia de João Ribeiro, Pedro Peralta registou o resgate de um homem que caiu dentro de um poço, no campo, ao nascer do dia.

O realizador filmou o esforço dos camponeses na recuperação do corpo, o silêncio das mulheres que assistem e ainda a mãe que acolhe o filho nos braços.

"A cidade onde envelheço" é uma incursão na ficção de uma realizadora brasileira que trabalha sobretudo no campo do documentário.

Co-produzido pela portuguesa Terratreme e interpretado pelas artistas portuguesas Elisabete Francisca e Francisca Manuel, o filme centra-se em duas mulheres que se reencontram no Brasil. Enquanto uma delas "vive momentos de descoberta e encantamento com o novo país onde deseja se instalar" outra "deseja voltar a Lisboa", lê-se na sinopse.

Lusa

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.