sicnot

Perfil

Cultura

Morreu o realizador polaco Andrzej Wajda

© Reuters

O realizador Andrzej Wajda morreu este domingo, com 90 anos, em Cracóvia. O mestre do cinema polaco não resistiu a uma insuficiência pulmonar.

O realizador de "Terra Prometida" e "O homem de ferro", bem como de inúmeros outros filmes que refletem a história do seu país, morreu devido a uma insuficiência pulmonar. Hospitalizado há vários dias, estava em coma induzido, disse à AFP fonte próxima da família, que pediu anonimato.

Considerado um dos mais importantes realizadores europeus, Andrzej Wajda recebeu ao longo da carreira vários prémios, com destaque para um Óscar honorário, em 2000, e uma Palma de Ouro, no Festival de Cannes, por "O homem de ferro", em 1981.

Com Lusa

  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Embaixador do Bangladesh pede ajuda aos portugueses no caso dos rohingya

    Mundo

    O embaixador do Bangladesh em Lisboa pediu esta sexta-feira aos portugueses que ajudem a resolver o problema dos rohingya. Desde o final de agosto, mais de 400 mil pessoas desta minoria muçulmana fugiram de Myanmar, a antiga Birmânia. O Bangladesh já tinha acolhido outros 400 mil refugiados e vê-se agora a braços com esta crise migratória. Pede por isso a Portugal que pressione Myanmar para aceitar de volta e em segurança os rohingya.